Análise: Caminhos para o Flamengo vencer no Chile

O Flamengo volta à campo pela Libertadores na noite desta terça-feira. A partida será contra o La Calera, no Chile. Uma vitória neste confronto, válido pela 4ª rodada da competição continental, classifica o rubro-negro para o mata-mata, com duas rodadas faltando para o final da fase de grupos.

Já destacamos aqui no MRN que o La Calera pode surpreender. A grama sintética e a velocidade na transição ofensiva são armas que os chilenos vão se utilizar ao longo da partida. Entretanto, há o outro lado. E o Flamengo também pode se beneficiar de problemas da equipe.

No confronto do Maracanã, que terminou em 4×1, o La Calera demonstrou muitos problemas defensivos. E contra um time ofensivo como o Flamengo, com vários jogadores com “faro de gol”, estes erros são fatais.

La Calera deixou vários jogadores do Flamengo livres na hora do ataque rubro-negro. Nestes espaços, o time se aproveita para construir as jogadas (Reprodução: Fox Sports)

Além do buraco defensivo que mostramos na imagem acima, há de destacar que os dois últimos gols da goleada vieram de contra-ataques. Ou seja, evidenciou a dificuldade que os chilenos têm de conseguir fazer a recomposição defensiva. Voltar para marcar é um verdadeiro “Deus nos acuda”.

Quarto gol do Flamengo nasce em um contra-ataque. Reparem: quatro rubro-negros contra três chilenos (Reprodução: Fox Sports)
- Advertisement -

Se o Flamengo tiver a tranquilidade de trocar passes, manter a posse de bola e evitar dar campo demais para os chilenos, tem tudo para voltar com os três pontos e a classificação para as oitavas de final. No vídeo abaixo, explicamos mais sobre a equipe chilena e como o Flamengo deve jogar para vencer e se classificar.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here