Análise: Flamengo precisa tomar cuidado com o Coritiba; Veja o porquê

O Flamengo vai até o Couto Pereira enfrentar o Coritiba pela partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil. O confronto será nesta quinta-feira, 10, às 19h. É a estreia do rubro-negro na competição.

Ainda não sabemos qual time entrará em campo, em virtude dos jogadores que retornam de suas respectivas seleções. Só saberemos, mesmo, na hora do confronto. O certo é que Maurício Souza estará no banco, em virtude da contaminação por covid-19 de Rogério Ceni (tomara que se recupere logo e bem).

Léo Gamalho, contra o Avaí, puxou a marcação dos dois zagueiros, abrindo espaço para a subida do meio-campista da equipe finalizar a marcar um gol diante dos catarinenses (Reprodução: GE)

Independentemente disso, há alguns pontos no Coritiba que o Flamengo deve prestar atenção. O principal é Léo Gamalho. O centroavante, conhecido no futebol nacional, gosta de fazer o pivô. E em vários momentos puxa os dois zagueiros com ele, abrindo espaço para jogadas por dentro e a subida dos pontas. Como o Flamengo tem dificuldade no encaixe defensivo, pode dar trabalho.

Outro ponto perigoso é pelos lados do Campo, com Rafinha. O experiente jogador, com passagens por São Paulo, Goiás, Cruzeiro, entre outros, gosta de jogar pelo lado esquerdo, o mais vulnerável do Flamengo. Não sabemos se Isla irá a campo. Mas, com a presença ou não dele, há uma dificuldade naquele setor que Ceni não consegue encaixar.

O Coritiba é um time que gosta de arriscar de fora da área, algo incomum no futebol brasileiro (Reprodução: GE)

Por fim, o Coxa-Branca é um time que arrisca muito de fora da área. Algo incomum no futebol brasileiro ultimamente. Contra o Avaí, na estreia da Série B, os dois gols foram desta forma.

Mais detalhes sobre a análise tática deste confronto, você vê no vídeo abaixo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Notícias do Flamengo

Blogs