Benfica tropeça novamente e pressão por saída de Jorge Jesus aumenta

Pressão sobre o momento de Jorge Jesus é grande em Portugal

Eliminado da Taça de Portugal e da Uefa Champions League, Jorge Jesus vem recebendo muita pressão no Benfica. As críticas que já se acumulavam, aumentaram na tarde desta segunda-feira, 25. A equipe mandada pelo Mister apenas empatou em casa com o Nacional, atual 14º colocado da Liga Portuguesa. A partida foi encerrada com o 1 a 1 no placar.

Na web, vários protestos pedindo a saída do treinador já começou. O Benfica é o atual segundo colocado, mas pode ser ultrapassado pelo Porto, que tem um jogo a menos. O Paços de Ferreira também começa a encostar nos Encarnados.

Leia também: Relembre gols do Flamengo que tiveram participação de Pedro e Gabigol

Na última semana, muitos jornais publicaram matérias sobre o atual momento dos Encarnados. O portal O Jogo, destacou que o rendimento da equipe de Jesus é pior de que seu antecessor Bruno Lage. Na matéria, o autor ressaltou que o investimento da diretoria ao elenco de Lage foi de 43,5 milhões de euros. Na era ”Mister”, o clube já aplicou 97 milhões de euros em reforços.

- Advertisement -

Já o jornal A Bola, cobrou a promessa de Jesus, no qual segundo o ”Mister”, o time jogaria o triplo com ele nesta altura da temporada.

”As promessas de Jorge Jesus de que a equipe do Benfica iria arrasar e jogar o triplo nesta época, aliadas ao elevado investimento de quase €100 milhões na contratação de novos jogadores, não encontram correspondência nas exibições ou resultados dos encarnados”.

O ex-atleta e ídolo do Benfica, António José Conceição Oliveira, mais conhecido como Toni, também se mostrou decepcionado com o que vê em campo.

Já disse várias vezes que este Benfica está longe de ser Benfica à Jorge Jesus. Mas não é o de ontem só. As equipes de Jesus tinham boa organização coletiva, defensiva e ofensiva, eram equipes que normalmente, fruto da forma como se organizavam, com pressão mais alta, faziam das transições rápidas imagem de marca. Mesmo com melhores resultados do que exibições, não é o Benfica”.

Por último, o Record destacou que Jesus e o presidente Luís Filipe Vieira não falam a mesma língua. O técnico teria pedido mais reforços ao mandatário, que prontamente recusou.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here