Compartilhar:

Ainda invictas em casa nesse Campeonato Brasileiro Feminino 2018, as atletas do Flamengo/Marinha tem novo compromisso como mandante nesta terça-feira. Jogando na Gávea, às 15h, contra o Vitória do Santo Antão, do Pernambuco, o Mengão quer reencontrar o caminho das vitórias na competição. A entrada ao estádio é gratuita.

O time titular para esse jogo ainda não foi definido pelo técnico Ricardo Abrantes. O XI inicial da partida contra o Foz Cataratas tinha: Kaká; Rayanne, Day, Ana Carol e Fernanda Palermo; Ju, Gaby e Bárbara; Rafaela, Pâmela e Dany Helena. A volante Beatriz, expulsa no duelo contra o Rio Preto, volta a ser opção para o treinador rubro-negro. Porém, serão desfalques as atletas Jane, Rafaela e Renata Diniz, lesionadas.

Classificação

Atualmente, o Flamengo está na 6ª colocação do grupo 2 do Brasileiro Feminino 2018, com 5 pontos (1 V, 2 E e 1 D). Porém, a pontuação do segundo ao sexto colocado é a mesma, ou seja, uma vitória é essencial para as pretensões grandes do Rubro-Negro nesta temporada.

Arbitragem –  Flamengo/Marinha x Vitória-PE

O duelo será conduzido pela árbitra Beatriz Oliveira Dantas, auxiliado por Millena Cristina Barros Santos e Beatriz Geraldini de Sousa.

Histórico de confrontos

Será a primeira partida entre as equipes na história do Futebol Feminino.

O adversário

O Vitória de Santo Antão está na lanterna do grupo 2, somando apenas um ponto em quatro jogos disputados: três derrotas (Ponte Preta, Portuguesa e Santos) e um empate (Audax), além de 2 gols marcados e 11 sofridos.

O time titular das pernambucanas na partida anterior (derrota por 7 a 0 para o Santos) teve: Lorrana; Lana, Godoy, Fatima e Jullyana; Rafaela Rufino, Elis, Tatiely e Ana Paula; Ronaldinha e Valéria.

Regulamento

O Flamengo está no grupo 2, juntamente de Vitória-PE, Foz Cataratas/Coritiba-PR, Rio Preto-SP, Santos-SP, Portuguesa-SP, Audax-SP e Ponte Preta-SP. Na primeira fase da competição, as equipes do mesmo grupo enfrentam-se em turno e returno. As quatro melhores, avançam às quartas de finais, após isso, mata-mata com jogos de ida e volta. O campeão, além do troféu, garante vaga na Libertadores da América Feminina 2019.

Créditos imagem destacada: Staff Images/Flamengo

 

Leia também:

Flamengo/Marinha apresenta cinco reforços para 2018

Futebol Feminino: Flamengo/Marinha reforça a defesa

Reforços falam sobre suas expectativas para o 2018 do Flamengo/Marinha

Compartilhar: