Compartilhar:

O vice-presidente de Futebol Marcos Braz confirmou hoje que o Flamengo chegou nos últimos dias a um acerto com Gabigol e retomou as conversas com a Inter para o que chamou de “sprint final” na negociação para a compra dos direitos federativos do atacante. Braz reafirmou esperar que a novela tenha um “final feliz” ainda esta semana.

— Dentro dessa semana eu ainda continuo com o mesmo entusiasmo, todos nós aqui, eu, Bruno, só que ainda tem que aguardar um pouquinho. Não precisa falar aqui que é uma negociação longa, tem que ter calma, e a gente tá tendo. Eu ainda acredito que dentro dessa semana a gente tenha um final, e eu acredito que será um final feliz. Todos nós sabemos que tinha uma negociação com a Inter, que estava muito perto de um ajuste final. Mas a gente precisava de outra negociação, que era tão importante quanto, que era com o jogador. Essa demorou mais um pouquinho, a gente vem conversando, foi ajustada e agora a gente voltou para o “sprint final” com a Inter. Estamos fazendo alguns ajustes, não tem nada que não esteja dentro do seu tempo. Os jogadores vão se reapresentar no dia 27, a gente já tinha na cabeça que a gente poderia ter esse tempo todo de negociação. E é assim que tá sendo feito, com muita calma, com muita tranquilidade, e a gente espera que tenha um final feliz entre Flamengo e Gabriel.

Braz disse que o clube interrompeu as conversas, já bem adiantadas, com a equipe italiana para conseguir o acerto com o jogador. Quando isso enfim aconteceu, o clube retomou o diálogo com a equipe italiana.

— Em um outro momento a gente teve que parar o caminho da conclusão com a Inter porque a gente precisava da outra posição do Gabriel. Nós paramos, fomos para o Gabriel, ajustamos há pouco tempo. Voltamos a falar com a Inter, passamos para ele que já estava tudo acertado entre o Flamengo e Gabriel e passamos essa posição pra Inter. Temos aí até o dia ….um pouquinho mais pra frente.

O próprio atacante sinalizou que o acerto para a permanência no Flamengo está próximo. Ele postou hoje nas suas redes sociais sua nova tatuagem, com a expressão “oto patamá”, cunhada por Bruno Henrique para falar do Flamengo campeão brasileiro e da Libertadores.

O Flamengo tem a seu favor para concluir as negociações a entrada dos recursos da transferência de Reinier para o Real Madrid, oficializada ontem, Braz falou pela primeira vez sobre a transferência:

— A relação com o Real Madrid sempre foi boa. Nessa gestão e na gestão passada. É um processo absolutamente natural, que tem no mundo inteiro. Eles compram jogador nessa idade, aqui, na Argentina, no mercado sul-americano todo. Quando falo eles não tô falando só do Real Madrid. O processo é esse. A gente se ajusta a esse processo, tira proveito desse processo. Nós gostamos muito do jogador, Reinier tinha contrato com a gente por mais quatro anos. Mas a partir do momento em que chega uma proposta em que o jogador sente que é o momento da transferência, o Flamengo através da parte financeira se sente confortável em fazer essa transação, é um processo natural, que a gente tem que tratar com naturalidade.

O dirigente, porém, refutou que apenas o dinheiro seja a explicação para o sucesso nas negociações do Flamengo.Ele fez um desabafo antes de apresentar Michael.

— Tá começando a ter um sentimento pra todo o futebol brasileiro que o Flamengo está com tranquilidade, com facilidade para contratar jogador, que o muro possivelmente está baixo. Mas não é assim. Nesse processo, o Bruno ficou com uma parte, eu fiquei com outra, foi importantíssimo todo esse processo. Não foi uma negociação tranquila como as pessoas acham, Hoje já não tão mais dando um pouquinho de ênfase ao trabalho nas negociações, achando que tem essa facilidade, Não tem essa facilidade. A gente tem outros grandes clubes, outros caminhos, outros projetos esportivos. Só que o Flamengo sempre apresenta o dele, e apresenta o que é possível fazer na parte financeira.

Compartilhar: