32.3 C
Rio de Janeiro
segunda-feira, janeiro 25, 2021

Bruno Henrique exalta visão de jogo de Arrascaeta: “Não precisa olhar para saber onde estou”

Rafael Sacharny
Jornalista carioca formado pela FACHA, 25 anos e pós-graduando em Jornalismo Esportivo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Depois de cada grande partida ou vitória do Flamengo, um jogador é convidado pela FlaTV para participar do quadro “Resenha do Craque”, exclusivo no Facebook

Nesta semana, Bruno Henrique foi o rubro-negro presente na entrevista e falou principalmente sobre o difícil confronto contra o Racing, válido pelas oitavas de final da Libertadores. “Se tratando de um time argentino, a gente sabia que seria bem truncado e fizemos um grande jogo nos primeiros 90 minutos“, avaliou Bruno.

O Flamengo viajou até a Argentina para enfrentar o time de Avellaneda, na terça-feira passada, 24. Fora de casa, a equipe de Rogério Ceni demorou a entrar no jogo e novamente não conseguiu impedir um gol adversário. Afinal, esta foi a oitava partida consecutiva sofrendo pelo menos um gol.

LEIA MAIS

Sub-20: Após oito rodadas de invencibilidade, Flamengo perde para o Atlético-MG no Brasileirão

Em busca do bi, Flamengo estreia com vitória na Copa do Brasil Sub-17

No entanto, rapidamente o Rubro-Negro marcou o empate com Gabigol após passe de trivela de Bruno Henrique. Na jogada, Arrascaeta também participou lançando a bola em profundidade para o camisa 27. Logo em seguida, Bruno recebeu mais um belo passe do uruguaio e depois de um drible seco no defensor, acertou a baliza do goleiro. Dessa maneira, Bruno não poupou elogios ao meio-campista do Flamengo.

“Lance típico desde o ano passado. O Arrascaeta não precisa olhar para saber onde eu estou. A gente se entende super bem e conversa bastante nos treinos. Se ele colocar a bola lá na frente eu vou chegar. Pena que a trave foi a interferência nessa finalização”, disse o melhor jogador em campo contra o Racing.

O atacante comentou também sobre o entrosamento com Arrascaeta e Gabigol. “Quando a gente se movimenta bastante, dificulta a vida dos zagueiros e laterais. A gente consegue sempre criar as jogadas um com outro para buscar os gols”.

Bruno Henrique pela 100ª vez

Apesar de não sair com a vitória contra os argentinos, Bruno Henrique pode comemorar a marca de 99 jogos com o Manto Sagrado desde a sua chegada no início do ano passado. Portanto, na próxima partida contra o Racing, terça-feira, 1, no Maracanã, ele entrará em campo atuando com o Flamengo pela 100ª vez. Então, o atacante buscará a classificação em um dia de fato marcante. Para seguir na Libertadores, ou o Flamengo vence o jogo ou poderá empatar por 0 a 0.

Gostou desse conteúdo? Nós acreditamos ser possível falar sobre o Flamengo com qualidade. Seja nosso apoiador!

Notícias do Flamengo

- Advertisement -

Blogs