27.5 C
Rio de Janeiro
terça-feira, novembro 24, 2020

Dia Nacional do Livro: cinco livros que todo flamenguista deveria ler

No Dia Nacional do Livro, separamos cinco leituras imprescindíveis para quem é torcedor do Flamengo

O hábito de leitura é algo fundamental para o desenvolvimento intelectual humano. Ler é uma das melhores maneiras de adquirir conhecimentos sobre os mais variados assuntos. E nessa quinta-feira, dia 29 de outubro, é celebrado um importante dia no nosso calendário: o Dia Nacional do Livro.

A data foi criada em 1810, como uma forma de celebrar a fundação da primeira biblioteca brasileira, a Real Biblioteca, que localizava-se no Rio de Janeiro, então capital do país. E, para ajudar você, nosso estimado leitor, a comemorar esse dia do modo certo, recomendamos cinco livros sobre o Mais Querido cuja leitura é primordial.

Veja também: 10 livros sobre a corrupção no futebol

Obviamente, separamos obras que falam de acontecimentos marcantes na história do clube. Tem livro para você entender como funcionava taticamente o rolo compressor comandado por Jorge Jesus em 2019. Ou se preferir recordar uma conquista menos recente, tem indicação referente ao hexacampeonato brasileiro de 2009. Opção é o que não falta!

Hexagerado – O título mais esperado dos últimos 17 anos

2009 foi, sem dúvidas, o ano do imponderável para os rubro-negros. Um campeonato brasileiro que vinha se desenrolando tragicamente até o início do segundo turno. Até o ex-jogador Andrade assumir o comando do time. Uma arrancada incrível que culminou com o título brasileiro conquistado depois de 17 fila.

Essa jornada épica é contada pelo irreverente escritor Arthur Muhlenberg, jogo a jogo. Cada partida é contada minuciosamente, para que o leitor tenha dimensão exata de como foi a caminhada até a glória do sexto troféu de campeão brasileiro. Compre aqui: amzn.to/3kM70io.

dia nacional do livro
Arthur Muhlenberg conta, jogo a jogo, como foi a improvável caminhada do Flamengo até o título brasileiro de 2009.

1981 – O ano rubro-negro

1981 é, indiscutivelmente, o ano mais glorioso da história do Flamengo. Ok, 2019 também foi incrível, um time como há muito não se via em território tupiniquim. No entanto, conquistar um título carioca, a Copa Libertadores e o Mundial de Clubes em cima de um Liverpool recheado de estrelas, é um feito praticamente inalcançável.

Por conta disso, muitos livros foram escritos sobre esse marco na história do Fla. Um deles é “1981 – O ano rubro-negro”, escrito pelo jornalista Eduardo Monsanto. Afinal, ele serve tanto para quem acompanhou aquele time de perto, quanto pros mais jovens, que não tiveram a honra de assistir Zico e companhia desfilando nos gramados.

Através de uma pesquisa incessante, Monsanto conseguiu acesso a histórias marcantes, divertidas e engraçadas envolvendo os craques do esquadrão campeão de tudo. Muitas delas são inéditas, fazendo do livro uma rica fonte de informações preciosas sobre o melhor Flamengo da história. Compre aqui: amzn.to/34F9xoT.

Outro patamar

Uma das vozes mais influentes do Twitter, Téo Benjamin se popularizou em meio a torcida do Flamengo sobre suas análises táticas certeiras. Poucos enxergavam tão bem o que se passava dentro de campo com a equipe de Jorge Jesus. Primeiro, por threads na rede social do passarinho azul. Depois, em um livro.

“Outro patamar” é para quem se interessa em saber o que faz uma engrenagem funcionar. Para quem vai além do pensamento de que futebol é apenas raça e qualidade individual. O que podemos afirmar é que, após essa leitura, sua visão sobre o esporte bretão nunca mais será a mesma. Compre aqui: amzn.to/3e6ZeNg.

livros sobre o flamengo
Téo Benjamin disseca taticamente o Flamengo de Jorge Jesus em Outro Patamar.

Da lama ao tri

Mais uma vez, Arthur Muhlenberg dá o ar da graça na nossa relação. E novamente relatando uma conquista triunfal de um Flamengo desacreditado. O livro consiste na narração irreverente dos fatos que fizeram do primeiro ano de gestão consciente do Mais Querido um ano surpreendentemente feliz para a Nação.

Passa pelo fracasso no campeonato estadual, a saída frustrante de Mano Menezes do cargo de treinador e como mais um ex-jogador do clube conseguiu fazer o Flamengo conquistar uma taça. Com prefácio de Roberto Assaf e Ruy Castro contribuindo com o texto de quarta capa, “Da lama ao tri” é uma leitura enriquecedora e, acima de tudo, leve. Compre aqui: amzn.to/3jCwdu1.

Vencemos juntos

Um ano mágico como 2019 acaba sendo um verdadeiro arsenal de conteúdo para que escritores fizessem livros sobre o avassalador Flamengo do Mister. Dessa forma, colocamos mais um que trata das glórias conquistadas por essa equipe. Se “Outro patamar” trazia uma análise tática detalhada, “Vencemos juntos” tem outro tipo de abordagem.

Sem histórias curiosas, fatos marcantes ou descrições de partidas épicas. Apenas ficha técnica, dados da temporada e fotos que ilustram o quanto esse Flamengo marcou, não somente a história do clube, mas o futebol brasileiro como um todo. Rodolfo Rodrigues é o autor desse livro que mostra, por meio de números, o quão gigante foram os feitos conseguidos por Jorge Jesus e seus comandados. Compre aqui: amzn.to/35KAw1F.

livros sobre 
o flamengo
Livro de Rodolfo Rodrigues traz diversos dados sobre o melhor time brasileiro dos últimos anos.

Gostou desse conteúdo? Nós acreditamos ser possível falar sobre o Flamengo com qualidade. Seja nosso apoiador!

Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Agência Brasil

Leia também

Notícias do Flamengo

Torcedores do Botafogo caem em pegadinha de flamenguistas antes de jogo contra o Fortaleza

O que os botafoguenses não contavam é que tudo não passava de uma pegadinha de torcedores do Mengão

Gabigol com a camisa do Boca gera discussão acalorada em programa argentino; assista

Gabigol posou para tirar foto com a camisa do Boca nas dependências do clube. Todos os detalhes você encontra no site do Mundo Rubro Negro

Veja as escalações que Ceni pode utilizar para Racing x Flamengo

Ceni terá os retornos de Filipe Luís e Gabigol para escalar a equipe que enfrentará o Racing nesta quarta, às 21h30. Detalhes no MRN

Willian Arão revela treinos de Rogério Ceni e mudança em relação a Domènec

Willian Arão projetou jogo difícil contra o Racing, mas revelou que o Flamengo não pretende mudar o estilo e vai jogar de forma ofensiva

Cano dá dicas ao Racing e exalta Flamengo: ”Jogam em outro nível”

Em entrevista ao Diario Olé, atacante do Vasco elogiou o Flamengo. Todos os outros detalhes na matéria do site Mundo Rubro Negro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Blogs

23 de Novembro de 2019. Lima. Peru. Um ano da Glória Eterna

O Flamengo é o que não se explica. Há um ano, a América voltava a ser pintada de vermelho e preto, em um roteiro digno de cinema

Voamos todos na parábola de Diego

Sempre temi o destino de ser um morto soprado de inveja nas bancadas da eternidade, ressentido por um auge tardio do Flamengo

23 de Novembro ficou marcado na história rubro-negra

Nem a vitória parcial do River tirou a certeza de que aquele dia seria abençoado, afinal foi no mesmo dia 23 de novembro

O Flamengo existe porque a vida não basta

Cada um viu um filme diferente. De alguma forma, porém, todos aqueles filmes eram o mesmo. O mosaico do que é ser Flamengo

Quatro marcados, cinco perdidos: o “Pênalti para o Flamengo!” assusta em 2020

Vitinho perde o 5º pênalti do Flamengo em 2020; na temporada, o aproveitamento do clube carioca em cobranças de pênalti é inferior a 50%