Compartilhar:

Na vitória por 3 a 1 sobre o Bahia, o centroavante anotou mais dois tentos e chegou aos sete gols marcados, desde o retorno à base

Bruno Vicente, do MRN Informação

Após uma passagem de poucas oportunidades pelo elenco profissional, o atacante Vitor Gabriel, de 19 anos, parece ter retomado a confiança e reencontrado o caminho das redes na equipe sub-20 do Flamengo. Nesta terça-feira (02), na vitória por 3 a 1 sobre o Bahia, em partida válida pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro da categoria, o centroavante anotou mais dois tentos e chegou aos sete gols marcados, desde o retorno à base rubro-negra.

Durante esse período Vitor fez sete partidas, sendo cinco pelo Campeonato Carioca e duas pela competição nacional. Desses confrontos, em apenas dois o camisa 9 passou em branco, contra os rivais Botafogo e Vasco (jogo de volta da final da Taça Guanabara). No duelo desta terça-feira, ele foi rápido e em menos de 10 minutos do primeiro tempo já havia balançado as redes adversárias em duas oportunidades.

Aos três minutos, Bill sofreu falta dura na zona intermediária. Luiz Henrique cobrou com perfeição na cabeça de Vitor Gabriel, que testou com classe para fazer o primeiro dos Garotos do Ninho na partida. Aos oito minutos, o Mais Querido ampliou. Yuri deu belo lançamento para o centroavante, que teve muita categoria e tranquilidade para deslocar o goleiro Fabricio e fazer o segundo.

Em lance isolado no final do primeiro tempo, Caio diminuiu de pênalti para o Bahia. Aos dez da etapa final, o Flamengo fez o terceiro. Matheus França cobrou lateral dentro da área e, após bate rebate, a bola sobrou para Bill. O atacante bateu bonito de primeira, para devolver a tranquilidade ao Rubro-Negro na partida. 

Chegada ao Fla

Vitor Gabriel passou a vestir o Manto Sagrado depois de marcar dois gols sobre o próprio Flamengo, na semifinal do Campeonato Carioca Sub-15 de 2015. Na competição completa, ele balançou as redes em 11 oportunidades, duas a menos que o Lincoln. Já pelo Fla, Vitor fez uma excelente Copa São Paulo em 2018, sendo o artilheiro da equipe, com quatro gols, e eleito o craque do torneio.

Passagem pelo profissional

Vitor Gabriel retornou para compor a categoria de base do Mengo no empate em 1 a 1 com o Volta Redonda, no dia 18 de maio. Nesta partida, ele foi o autor do gol que garantiu a classificação dos Garotos do Ninho para a semifinal da Taça Guanabara. O atleta havia sido convocado pelo então técnico Abel Braga, para iniciar a temporada com o time profissional, no torneio da Flórida.

Durante esse período, o centroavante enfrentou a concorrência de Henrique Dourado (negociado), Uribe e Gabigol, contratado como a grande esperança de gols para o Fla. Sob o comando de Abel Braga, chegou a disputar algumas partidas, tanto como titular quanto entrando no decorrer do jogo. Porém, jogando a maioria das vezes fora de sua posição de origem, Vitor não marcou nenhum gol e não conseguiu engrenar.

Na sequência, teve ainda que disputar espaço com Lincoln que, servia a Seleção Brasileira no Sul-Americano Sub-20, no Chile e, posteriormente, sofreu uma lesão na coxa. Recuperado, Lincoln passou ganhar mais oportunidade com Abelão.

Situação do Fla no Brasileiro

A vitória, a segunda em dois jogos no Campeonato Brasileiro, mantem o Mais Querido na liderança da competição, com 100% de aproveitamento, e sete gols marcados em duas rodadas. O próximo compromisso pelo Brasileirão será na quarta-feira (10), às 15h contra o Vitória, no Barradão. Antes, no domingo, o Rubro-Negro recebe o Fluminense na Gávea, em clássico válido pela terceira rodada da Taça Rio.

Flamengo: Hugo Souza, Matheus França, Natan, Lucas Freitas, Ramon; Vinicius Souza, Luiz Henrique (Matheus Alves), Gomes (Jefferson); Bill (Vitor Gabriel), Yuri (Wendel) e Vitor Gabriel. Treinador: Mauricio Souza. 

O MRN depende do apoio de leitores como você para continuar fazendo uma cobertura criativa, propositiva e ética do Clube de Regatas do Flamengo. ➡ Junte-se a nós

Compartilhar: