Com lesão de Arão, Gustavo Henrique pode ser arma do Flamengo contra o jogo aéreo colorado

Isaac Simoes
Jornalista, apaixonado por esportes e pela cultura fantástica do futebol. Trabalhei na TV Pajuçara (afiliada da Record em Alagoas), no Jornal Gazeta de Alagoas e no Portal Gazetaweb. Atualmente sou redator nos portais Mundo Rubro-Negro e Esporte Alagoano. Me siga nas redes sociais @isaac_siimoes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MRN Informação | Isaac Simões – Com a informação da fratura de Willian Arão no início da noite desta quinta-feira (18), Gustavo Henrique é o grande candidato para formar dupla com Rodrigo Caio na zaga do Flamengo, contra o Internacional. Titular até o penúltimo jogo diante do Bragantino, o defensor deve retornar à equipe. Com isso, o Rubro-negro ganhará em estatura, aumentando a proteção contra o jogo aéreo colorado.

Mesmo antes do problema de Willian Arão, existia a possibilidade de Rogério Ceni optar por mudanças no setor defensivo. A bola aérea é o maior trunfo do Inter para a partida do próximo domingo (21), e exige atenção do técnico rubro-negro. Aliás, o Fla tem dificuldades em marcar lances pelo alto ao longo da temporada.

Leia também: Éverton Ribeiro desbanca Benítez e vence prêmio de gol mais bonito do Brasileirão pela segunda vez

Dos 45 gols sofridos no Brasileiro, 14 foram por bola aérea. Por outro lado, o Internacional, de Abel Braga, costuma ser fatal nesse tipo de jogada. Só para ilustrar, os gaúchos marcaram 18 gols de cabeça até o momento no Brasileiro. Assim, deve explorar o fundamento contra o Flamengo. Na rodada passada, contra o Vasco, os gaúchos voltaram a balançar as redes nesse tipo de lance.

Ceni bola aérea
Bola aérea preocupa Ceni e técnico tem mais dois treinos para definir setor defensivo – Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Time baixo

Diante desse cenário, os 1,95 m de Gustavo Henrique pode ser a arma que a equipe rubro-negra precisa para interceptar o Colorado. Se titular, o zagueiro será o jogador mais alto do Fla em campo, depois de Hugo Souza. Logo atrás vem Bruno Henrique e Gerson, ambos com 1,84 m.

Veja mais: Flamengo tem apenas uma derrota como mandante para o Internacional na última década

Rodrigo Caio e o próprio Arão por exemplo, tem principalmente a velocidade como ponto forte, além de boa impulsão. Entretanto, deixam a desejar na estatura. O camisa 3 possui 1,83 m, enquanto o volante apenas 1,81 m.

Ceni ainda terá mais dois treinamentos para definir a equipe. Uma provável escalação do Flamengo deve ser com Hugo Souza; Isla, Rodrigo Caio, Gustavo Henrique e Filipe Luís; Diego, Gerson, Éverton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabigol.

Coladinho no Inter, com um ponto a menos, o Mais Querido precisa vencer para assumir a ponta da tabela. Entretanto, em caso de derrota, os gaúchos conquistam o título brasileiro no Maracanã.

Isaac Simões no Twitter!

Gostou desse conteúdo? Nós acreditamos ser possível falar sobre o Flamengo com qualidade. Seja nosso apoiador!

Notícias do Flamengo

- Advertisement -

Blogs