Condução da renovação com Diego Alves irrita elenco do Flamengo

Diversos jogadores estão incomodados com o que consideram “ingratidão” com Diego Alves

Blog Ninho do Urubu | Bruno Guedes – Twitter: @eubrguedes

A novela da renovação de contrato com Diego Alves, que se arrasta há quase três meses, começa a gerar irritação no elenco do Flamengo. Segundo apuração do Mundo Rubro Negro, os jogadores estão desconfortáveis com a maneira como um dos líderes internos vem sendo tratado. Com o contrato se encerrando no dia 31 de dezembro, o financeiro do clube ainda não deu aval para assinatura com o goleiro.

De acordo o apurado, diversos jogadores estão incomodados com o que consideram “ingratidão” com um dos principais nomes dos últimos anos. Contratado em julho de 2017, Diego é considerado um dos símbolos da geração que conquistou quase tudo com Jorge Jesus.

Internamente, atletas comentam sobre o caso entre eles com apreensão. Em um momento delicado na temporada e que todos precisariam estar focados, a novela vem se tornando mais um problema entre os muitos que afetam o campo.

- Advertisement -

Além de contato direto com o goleiro durante os treinamentos e concentração, os colegas de clube também acompanham o caso através da imprensa. Paralelo às negociações com Alves, outros membros do elenco estão renovando ou em tratativas para extensão dos contratos, o que expõe ainda mais o que vem ocorrendo.

LEIA MAIS: Novela Diego Alves: conflitos internos afastam futuro do goleiro no Flamengo

Diego Alves, juntamente com seu empresário Eduardo Maluf, já tinha acertado um novo vínculo com o diretor executivo Bruno Spindel e o vice de futebol Marcos Braz duas vezes. Entretanto, em ambos os casos, foi recusado pelo Financeiro do Flamengo.

Com um acordo inicial por duas temporadas, a alta cúpula do clube, formada pelo presidente Rodolfo Landim, o vice-presidente de relações externas, BAP, e o vice de finanças, Rodrigo Tostes, insistem que o goleiro precisa diminuir novamente sua pedida salarial para a renovação. Desde então o caso está sem previsão de um final feliz.

Domènec Torrent, quando ainda treinava o Rubro-Negro, acompanhava o caso e também demonstrava interesse num desfecho rápido. Foi informado ao então técnico que o setor financeiro do clube ainda não havia cedido ao que considera teto salarial. O vice-presidente de futebol, Marcos Braz, também não vem escondendo internamente a insatisfação com o núcleo que cuida das finanças.

Durante a apresentação de Rogério Ceni, o vice de futebol explicou a situação em tom de cobrança: “A gente fez uma proposta, houve um imbróglio, e o Diego é o menos culpado. O prazo é pequeno, mas vamos tentar arrumar uma maneira para que ele fique no clube por um ano e meio, dois anos… e nos ajude em mais títulos”, disse Braz.

Marcos Braz acompanha o caso de forma mais próxima. Quando chegou ao clube, foi ele quem teve que contornar o afastamento do goleiro, após um problema com o ex-treinador Dorival Junior. Com a proximidade entre ambos, há também quem afirme que essa demora é mais uma página da guerra política entre o vice e BAP.

Para a nova comissão técnica, Diego é considerado peça fundamental para o trabalho. Além da experiência, é um dos líderes dentro e fora de campo e tratado como uma das vozes importantes durante as partidas.

Entenda o caso

Diego Alves tem contrato até o final de 31 de dezembro e a oferta inicial do Flamengo foi a renovação por mais um ano. Entretanto, jogador e seus representantes queriam dois anos. Marcos Braz e Bruno Spindel fizeram uma contraproposta, mas com redução salarial pelo prazo. Incialmente houve acordo, mas o Financeiro vetou.

No final de outubro, Diego e seus representantes chegaram a aceitar uma nova redução salarial para um contrato de dois anos, porém foi considerada insuficiente e rejeitada, com aval do presidente Landim. Ao tomarem conhecimento, jogadores do Flamengo ficaram bastante incomodados com a incerteza sobre o goleiro, que é um dos líderes do elenco.

Novamente as partes voltaram às negociações e mais um entendimento aconteceu. Só que, desta vez com aval de toda a cúpula rubro-negra, a renovação não avançou. A notícia repercutiu na torcida do Flamengo, que promoveu uma campanha nas redes sociais pedindo a renovação do goleiro.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here