30.8 C
Rio de Janeiro
terça-feira, janeiro 26, 2021

Conmebol denuncia Flamengo, Natan e Thuler; veja possíveis punições

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Além do empate, partida entre Racing e Flamengo gerou denúncias para o Mais Querido

MRN Informação | Yago Martins – Twitter: @YagoM23

O Flamengo foi pego de surpresa após o empate em 1 a 1 contra o Racing, no El Cilindro, pela partida de ida das oitavas de finais da Copa Libertadores da América. A Conmebol denunciou o clube e os zagueiro Natan e Matheus Thuler nas últimas horas.

Leia também: Botafogo terá desfalques para enfrentar o Flamengo

Natan

De acordo com a súmula do árbitro venezuelano que apitou Racing e Flamengo, o jovem zagueiro de 19 anos proferiu a frase “árbitros filhos da p…”, durante uma confusão ocorrida no final de jogo. O atleta foi enquadrado no artigo 16.2 do Código Disciplinar da entidade, podendo ser suspenso por, no mínimo, duas partidas ou por um período de um mês.

Nas redes sociais, Natan que foi expulso e não atua na próxima terça, se defendeu: ”Gostaria de me posicionar deixando claro para todos que em nenhum momento xinguei o juiz. Quem me conhece sabe que jamais iria fazer isso ou algo do tipo, mas Infelizmente fui escolhido aleatoriamente pra receber o vermelho, que me deixou fora da próxima partida. Peço desculpas a todos, mesmo sem entender até agora tudo que aconteceu. Estou triste com o cartão, mas bola para frente, seguir firme e trabalhando”.

Matheus Thuler

Thuler também recebeu cartão vermelho, porém não por indisciplina, e sim após dar um carrinho que o VAR considerou violento. O defensor enquadrado no artigo 16 do Código Disciplinar da Conmebol, que prevê “suspensão de ao menos uma partida”.

Flamengo

Tem sido comum o Mais Querido receber denuncias da Conmebol. Após vencer o Barcelona de Guayaquil por 2 a 1 no Equador, o clube recebeu uma punição por ter usado o patch de atual campeão na posição incorreta no uniforme. Desta vez, o Fla terá que responder devido a um atraso de dois minutos para voltar ao campo para o segundo tempo.

O departamento jurídico do Flamengo tem até a próxima terça, para apresentar uma defesa para a Conmebol nos três casos citados acima.

Notícias do Flamengo

- Advertisement -

Blogs