Compartilhar:

Ex-jogador morreu aos 41 anos, vítima de um acidente de helicóptero em Calabasas, Los Angeles

A notícia da morte do astro Kobe Bryant foi um choque para os amantes do esporte. Vítima de um acidente de helicóptero, o ex-jogador da NBA tinha 41 anos.

O que poucos se lembram é que o ala chegou a negociar com o Flamengo para defender o clube em 2011, quando Ronaldinho, amigo pessoal do norte-americano, estava na Gávea.

À época, a imprensa brasileira noticiou que um grupo de empresários ofereceu os serviços do atleta do Flamengo. No entanto, os valores assustaram o então diretor da modalidade, Arnaldo Spiro.

O estafe do atleta teria pedido U$ 1 milhão de dólares por mês, além de seis seguranças, um carro blindado e uma cobertura no Leblon. As cláusulas, claro, afastaram a possibilidade de Kobe vestir a camisa do Flamengo.

Astro prestou homenagem a Marcelinho Machado

Não foi a única vez que os caminho de Kobe cruzaram com os do Flamengo. Em 2018, o astro gravou uma homenagem ao ala Marcelinho Machado, ídolo e maior vencedor da história do Orgulho da Nação, que estava se aposentando.

“Só quero te parabenizar pela sua carreira fenomenal. Eu sei como deve estar se sentindo agora, uma mistura de tristeza, mas também animação pelo o que está por vir. Tudo que vocês fez pelas crianças, você ofereceu oportunidade e inspiração para eles, tenho certeza que isso continua”, disse Bryant em vídeo que foi exibido no telão do Ibirapuera, durante o Jogo das Estrelas do NBB daquele ano.

Machado agradeceu em suas redes sociais:

O Mundo Rubro-Negro lamenta o falecimento de um dos maiores ícones da história do basquete mundial e deseja força aos familiares e fãs do atleta.

Compartilhar: