Ex-jogador do Flamengo é suspenso por doping na Tailândia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MRN Informação | Yago Martins — Meia-atacante ex-Flamengo, o brasileiro Jajá Coelho que atua pelo Chiangrai United, testou positivo para uma substância proibida na Tailândia após uma partida pela Liga dos Campeões da AFC. Sendo assim, o atleta foi suspenso por quatro anos.

De acordo com a entidade, o jogador que também teve passagem pelo Inter, cometeu o ato no duelo pela fase de grupos da competição africana entre o Chiangrai United e o australiano Melbourne Victory, em novembro de 2020. Posteriormente, foi encontrada uma substância ilegal na amostra de urina do jogador.

Passagem de Jajá pelo Flamengo

O atleta chegou ao Flamengo em 2006, com apenas 19 anos de idade. Em entrevista ao site da ESPN em 2017, Jajá Coelho revelou o motivo de não ter dado certo com a camisa rubro-negra.

Jajá em um treino pelo Flamengo | Foto: Divulgação

”O time estava em uma situação bastante complicada e lutando contra o rebaixamento. O Ney Franco disse que ia me colocar aos poucos nas partidas. Tinha dado muito problema porque os jogadores que ele tinha trazido não estavam dando resultado.

Quando deu seis meses eu pedi para ir embora. Estava difícil para jogar por causa dessa situação e os torcedores estavam invadindo o CT. Os caras não estavam pagando, apesar de eu receber uma parte do Getafe-ESP”.

Mesmo que não tenha sido feliz na Gávea, Jajá nunca demonstrou mágoa no período no qual atuou na equipe rubro-negra.

”Joguei alguns jogos, Flamengo é Flamengo. Conheci o Maracanã e foi maravilhoso. Eu conversei com a diretoria e pedi para sair e foi bem tranquilo. Não tive qualquer tipo de problema, foi tudo conversado’‘, concluiu o jogador.

Em contato com o GE, Jajá relembrou com carinho sua apresentação no clube. Na época, o meia chegou ao lado do goleiro Bruno.

”Chegamos juntos e sempre tivemos uma convivência tranquila. O Bruno sempre foi gente boa comigo, sempre comentava sobre a família e dizia como gostava das filhas. Sempre deixávamos o clube juntos e fui apresentado aos familiares dele. Mas naquela época, eu não conversava muito com eles”.

Yago Martins no Twitter e Instagram

Ajude o MRN a fazer jornalismo rubro-negro. Clique aqui e seja apoiador.

Notícias do Flamengo

Blogs