Flamengo 4×1 Volta Redonda – Notas das atuações dos jogadores rubro-negros

MRN Informação | Redação – Depois de vencer, no Estádio da Cidadania, o primeiro confronto das semifinais do Cariocão 2021 por 3×0, Mengão novamente venceu sem dificuldades o valoroso time do Volta Redonda na noite deste sábado, 08.

O placar final foi 4×1 para o Rubro-Negro, três só na etapa inicial, e o gol sofrido no último lance da partida, uma espécie de prêmio para o time do Sul Fluminense.

Gabigol foi o destaque da partida, anotando dois gols e uma assistência para o tento de Michael. Pedro desfilou novamente seu bom futebol, mas perdeu duas boas chances e saiu de campo zerado.

Leia também:

Outro jogador que arrancou elogios da torcida do Mais Querido foi Vitinho. O primeiro tempo do meia foi excelente. No entanto, seu gol, o quarto do time, veio apenas no segundo tempo, após bonito lançamento do promissor lateral-esquerdo Ramon, voltando a ter oportunidade de atuar com Rogério Ceni.

A partir daí o time até tentou tornar o placar mais elástico, mas o Voltaço se segurou. Outro fator positivo foram as estreias das crias Lucas André e Gabriel Barros no estrelado time profissional do Flamengo.

Rumo ao HexaTri Estadual, o Fla espera agora seu adversário na final, que sairá do confronto entre Fluminense e Portuguesa. O duelo acontece neste domingo, 09, às 16h.

Leia agora as análises individuais e notas dos jogadores concedidas pelo time de colaboradores do MRN:

Gabriel Batista: Trabalhou mais com os pés do que com as mãos. Sem culpa alguma no pênalti. Nota: 6,0.
Miguel Peters – Twitter: @miguelpeters

Matheuzinho: Excelente partida do nosso jovem lateral direito. Foi agudo e muito eficiente no apoio ao ataque, inclusive dando uma assistência. Na defesa, quando exigido, correspondeu bem também. Nota: 9,0.
Marcelo Batista – Twitter: @Antifa_crf

Gustavo Henrique: Lançamentos precisos, não foi exigido e teve pouco combate em campo. O gol saiu no apagar das luzes, quando até o juízes já queriam ir embora! Nota: 7,0.
Ricardo Bitencourt – Instagram:@drbitenco

Léo Pereira: Com certeza teve mais trabalho tentando não ser reconhecido na noite do que com o ataque de Volta Redonda. Nota: 6,0.
Edson Lira – Twitter: @Edsonjslira

Ramon: Depois de muito tempo sem chances de jogar, o promissor lateral foi ao campo, porém fez um jogo discreto. Apareceu dando um excelente passe para o gol de Vitinho. Nota: 6,0.
Sérgio Ribeiro – Twitter: @sergioribeiro04

Hugo Moura: Com uma função mais defensiva por ser o único volante de ofício, não apareceu tanto no jogo. Mas manteve a qualidade que apresentou nos últimos jogos
Nota: 6,0.
Gabriel Barros: Até tentou, mas não teve muito tempo para participar de fato do jogo. Sem nota.
Ighor Lopes – Instagram e Twitter: @ighorlps

Max: Fez uma partida discreta, teve pouco trabalho na marcação e distribuiu bem o jogo na saída de bola. Não deu pra dizer que foi testado pois o Volta Redonda exigiu muito pouco do time como um todo. Nota: 6,0.
➡️ João Gomes: Atuou de forma burocrática pra esperar o tempo passar e o jogo acabar. Apesar do pênalti, não comprometeu no tempo que jogou. Nota: 4,0.
Marcio Marcondes – Twitter: @mjmarcondes

Vitinho: Evidentemente a torcida tem o pé atrás com Vitinho, mas é preciso reconhecer que ele tem se apresentado de forma muito consistente nessa temporada. Se pegarmos o que jogou ER7 e o que vem jogando Vitinho, cabe a discussão sobre titularidade. Hoje fez um gol, participou de outro e fez um passe pornográfico pro Matheuzinho cruzar pro Pedro (a bola no travessão). Nota: 9,0.
➡️ Rodrigo Muniz: No pouco tempo que esteve em campo, não teve participação efetiva. Sem nota.
Danton Freitas

Michael: Correu, driblou e participou muito em campo. Mas enfeitou demais em lances que precisavam de soluções simples. Mesmo assim, fez um bom jogo e foi premiado com um belo gol. Nota: 7,5.
➡️ Lucas André: Entrou no fim e pouco participou. Sem nota.

Miguel Peters – Twitter: @miguelpeters

Pedro: Hoje nosso Queixada não esteve num bom dia e não deixou sua marca. Perdeu duas chances claras, mas não tem problema. O Queixo tem contexto demais com a nação-rubro negra. Apesar de não ter deixado o dele, fez bem o pivô, dando opções sempre pra quem vinha de trás, e ainda deu uma bela assistência. Nota: 6,0.
Marcelo Batista — Twitter: @Antifa_crf

⚽⚽ Gabigol: O famoso fominha, chato e reclama de tudo! Do juiz, do companheiro, dos adversários; a braçadeira lhe caiu muito bem. Vai tentar ser o artilheiro de qualquer forma! Segura o homem. Nota: 9,0.
➡️Everton Ribeiro: Entrou na esperança de fazer um golzinho para a torcida parar de pegar no pé dele. Pouco tempo em campo e não interferiu em nada. Sem nota.
Ricardo Bitencourt – Instagram:@drbitenco

Rogério Ceni: O cenismo é uma realidade. A cada gol, uma taça de vinho e a avaliação ficava cada vez melhor. Não sei se por causa do vinho ou por causa da atuação. Ainda bem que o time puxou o freio de mão no segundo tempo, se não essa avaliação seria um erro. O que dizer de um 4 a 1 sem chance de qualquer ameaça? Resta elogiar o trabalho de Ceni e desejar feliz Dia das Mães. Espero que a Mamãe Ceni tenha um ótimo dia, assim como as outras mães, rubro-negras ou não.
Hoje não tem tática pra falar, ok? Deu tudo certo. As madrugadas acordando às 3h da manhã tem válido a pena. Nota: 8,0.
Edson Lira – Twitter: @Edsonjslira

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 4 X 1 VOLTA REDONDA

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: Sábado, 08 de maio de 2021
Hora: 21h05 (de Brasília)
Árbitro: Felipe da Silva Gonçalves Paludo
Assistentes: Diogo Carvalho Silva e Carlos Henrique Alves de Lima Filho
VAR: Pathrice Wallace Correa Maia
Cartões amarelos: Léo Pereira, Matheuzinho, João Gomes e Michael (Flamengo); Bruno Barra, Wallisson, Davison e Alef Manga (Volta Redonda)
GOLS

FLAMENGO: Michael, aos 11min do primeiro tempo; Gabigol, aos 20 e 42min do primeiro tempo; Vitinho, aos 3min do segundo tempo
VOLTA REDONDA: João Carlos, aos 45min do segundo tempo

FLAMENGO: Gabriel Batista, Matheuzinho, Léo Pereira, Gustavo Henrique e Ramon; Hugo Moura (Lucas André), Max (João Gomes), Vitinho (Rodrigo Muniz) e Michael (Gabriel Barros); Pedro e Gabigol (Éverton Ribeiro)
Técnico: Rogério Ceni

VOLTA REDONDA: Andrey, Oliveira, Gabriel Pereira (Davison), Heitor e Luiz Paulo; Bruno Barra (Wallisson), Emerson (Hiroshi) e Luciano Naninho (Marcos Bebê); Alef Manga, MV (Caio Vitor) e João Carlos
Técnico: Neto Colucci

1 COMENTÁRIO

  1. A sua função ao dar nota, Edson Lira, não é cornetar, mas comentar a atuação do jogador. Léo Pereira fez a melhor partida dele pelo Flamengo, mostrando porque se destacou no genérico paranaense. Mostrou personalidade, segurança e teve boa saída de bola. Enfia a corneta no saco e apoia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Notícias do Flamengo

Blogs