Compartilhar:

Lançado em maio, o novo segundo uniforme do Flamengo deve ser usado pela primeira vez em uma partida pelos jogadores nesta quarta-feira (12), contra o Atlético Goianiense em Goiana. Como o rival do clube da Gávea também é rubro-negro, a tendência é que como visitante, o Fla utilize seu fardamento alternativo.

A nova camisa é inspirada no design dos uniformes do Flamengo do final da década de 70, chamando a atenção pela sua gola V na cor preta. As três listras vermelhas percorrem os ombros e as bordas das mangas trazem também listras nas cores do clube em direção aos braços. Centralizado, o distintivo do clube é aplicado em sua versão branca dentro de uma faixa com efeito pincelada, nas cores preta e vermelha.

Outra estreia de uniforme foi positiva

O uniforme principal produzido pela Adidas para a temporada 2020/21, teve sua estreia na final da Supercopa do Brasil. Em Brasília, o Flamengo enfrentou outro Athletico, só que o Paranaense, e venceu por 3 a 0, levando a taça inédita para o Rio de Janeiro. Com as novas versões do Manto Sagrado, o rubro-negro foi derrotado apenas uma vez nesta temporada e buscará contra o Atlético-GO, manter a média e estrear o segundo uniforme com o pé direito. A bola irá rolar às 20h30, no estádio Olímpico.

Atlético-GO x Flamengo

O árbitro será o paulista Luiz Flávio de Oliveira, que é quadro FIFA. Ele será auxiliado por dois assistentes também de SP: Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (CBF). O quarto árbitro será o goiano Anderson Ribeiro Gonçalves (CBF), com o apoio do analista de campo também de Goiás, Júlio César Mota Fernandes (CBF). Assim como no campo, o VAR é todo de São Paulo. Jose Claudio Rocha Filho (CBF) será o principal árbitro de vídeo. O profissional terá o auxílio na cabine de Douglas Marques das Flores (CBF), Fabricio Porfirio de Moura (CBF) e a observadora Silvia Regina de Oliveira (CBF).

Créditos de imagem destacada: Divulgação/Flamengo

Compartilhar: