Compartilhar:

Negociação que começou com o mesmo agente que ajudou na chegada de Pablo Marí está encaminhada. Guga poderá fechar mesmo com acerto do chileno

Blog Ninho do Urubu | Bruno Guedes – Twitter: @eubrguedes

O Flamengo e Maurício Isla estão próximos de um acerto. O chileno de 32 anos, que teve Arturo Jimenez como um dos intermediários e autorizou a negociação, já tem algumas informações apresentadas e bem recebidas pelo jogador. O sinal positivo que faltava chegou na tarde deste sábado (15). Marcos Braz e Bruno Spindel embarcam nos próximos dias para a Espanha, onde o atleta mora. Segundo a coluna apurou, o negócio está bem encaminhado por conta da ótima recepção de ambas as partes. Guga, outro alvo do clube, também interessa mesmo com a possível chegada de Isla.

Jimenez, quem intermediou o negócio desde a última quinta-feira, quando Rafinha informou à direção que tinha aceito a proposta do Olympiacos, é velho conhecido do Flamengo. Foi o agente quem ajudou na negociação com o zagueiro espanhol Pablo Marí. Este vínculo e a boa passagem do jogador acabaram criando confiança na sugestão. Ao apresentar o nome de Isla, Braz e Spindel, ainda no hotel em Goiânia, consultaram o técnico Domènec Torrent. O catalão aprovou e todos viram com bons olhos a experiência de Seleção, além da carreira quase toda feira na Europa, o que facilitaria nesta nova fase.

Do mesmo autor: Bastidores de uma derrota: elenco incomodado com mais um revés e boatos externos

Bicampeão da Copa América com o Chile e com passagem por Juventus, QPR e Cagliari, o perfil parecido com o do Rafinha também foi determinante para o prosseguimento no interesse. Além disso, Maurício está sem contrato. Na última temporada esteve no time turco Fenerbahçe. Por conta deste fato, pode negociar sem esperar a abertura da janela, em outubro, e também ser inscrito imediatamente nas principais competições que ainda restam neste ano para o Flamengo.

No sábado, Marcos Braz recebeu a mensagem de que o jogador – que até o momento não tem propostas de clubes maiores na Europa – também demonstrou vontade de atuar com a camisa rubro-negra. A negociação agora será finalizada pessoalmente com detalhes e exames que serão feitos ainda em solo espanhol. Apuramos que por conta da pandemia, protocolos de segurança precisam ser tomados antes do embarque para Valência, mas que Isla não deve dificultar e o negócio selado já na próxima semana.

De acordo com o jornalista italiano Gianluca di Marzio, ele já teria acordado um contrato de dois anos e meio. A Ninho do Urubu e o MRN não conseguiram apurar essa informação.

Ajude a divulgação rubro-negra de qualidade: Seja apoiador do MRN e participe do nosso grupo de Whatsapp

Quem não vai facilitar em nada é o Atlético-MG, que tenta segurar o também lateral direito Guga, de 21 anos. Apesar do acerto iminente com Isla, Dome pediu mais uma opção para o setor e o Flamengo consultou seus empresários. A saída do Rafinha teria aberto espaço na folha salarial para ambos. Interesse antigo do clube, o técnico, após vê-lo em ação na primeira rodada, também aprovou seu nome. Ainda não foi feita uma oferta oficial, apenas consulta sobre as partes.

Flamengo teria sinalizado disposição para pagar até 4 milhões de euros. Entretanto, o Galo quer mais dinheiro. Após forte aporte financeiro feito no elenco, através de um investidor, a negociação é vista como uma das opções para retorno do dinheiro. Jorge Sampaoli também tem se oposto ao negócio por conta da titularidade do atleta e o rubro-negro ser tratado como rival direto por uma possível disputa de título.

Guga é sonho antigo dos dirigentes da Gávea. Rubro-Negro, no final do ano passado comemorou o título da Libertadores sobre o River Plate e gerou revolta entre os atleticanos. Uma primeira consulta foi feita no começo de 2020, mas sem evolução. Com a chegada do técnico argentino, virou uma das peças mais importantes do time. Sua juventude é vista não só como boa opção para as próximas temporadas da posição no Flamengo, como também viável para uma possível revenda no futuro.

*Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Reprodução

Compartilhar: