Compartilhar:

Nas redes sociais, muitos rumores sobre uma possível transmissão na Fla TV surgiram após o Flamengo anunciar que faria um jogo-treino na manhã desta sexta-feira (31), contra o Olaria, no CT Ninho do Urubu. No entanto, de forma oficial, o clube se manifestou na tarde desta quinta.

De acordo com assessoria de imprensa do rubro-negro, a Fla TV não irá transmitir o duelo, porém um compacto dos melhores momentos devem ser publicados no canal do clube instantes depois do apito final. Este será o único jogo-treino de preparação para o Brasileirão.

Enquanto a partida amistosa é comandada por Maurício de Souza, Braz e Spindel seguem em solo europeu acertando os últimos detalhes da chegada de Domènec Torrent. O espanhol iria assinar com o rubro-negro na última quarta, mas surgiram pendências em seu contrato, que fez adiar a oficialização para sexta-feira, dia de Flamengo e Olaria.

Domènec e toda a sua comissão técnica, composta por três profissionais, irão receber 1,5 milhão de euros por ano (cerca de R$ 9 milhões na cotação atual). Jorge Jesus e seu staff, que tinha sete integrantes, recebiam mais do que o dobro: 3,5 milhões de euros (cerca R$ 21 milhões) anuais.

Torrent chegará ao clube acompanhado de Jordi Guerrero, ex-assistente de Pablo Machin no Espanyol, Sevilha e Qingdao Huanghai. Jordi Gris também estará com ele em sua equipe de coaching, como analista. O nome do treinador físico e de outros colaboradores ainda não foi decidido.

O lateral-direito Rafinha, em entrevista à ESPN, encheu o espanhol de elogios. Ambos trabalhavam juntos no Bayern de Munique, quando Torrent era auxiliar de Guardiola.

”Foram três anos que trabalhamos juntos no Bayern, depois ele foi para o City com o Pep. É aquela história, ele é da escola do Cruyff, né? É um cara que sabe tudo e mais um pouco de bola. No Bayern, os treinamentos quem dava era ele, o Guardiola ficava só corrigindo e tal. É um cara que dispensa comentários”.

Para Guardiola, Domènec tem plenas condições de assumir o desafio no Flamengo: ”Eu acho que ele está absolutamente preparado para qualquer país. Ele fez a melhor temporada da história do New York City na última temporada. Ele é incrivelmente bem preparado, tem muita experiência. Não tenho nenhuma dúvida sobre sua capacidade”.

Créditos de imagem destacada: Divulgação

Compartilhar: