Tá DOMEnado! Flamengo lidera maioria das estatísticas do Brasileirão

Números refletem estilo de jogo do Rubro-Negro, focado na posse de bola e controle das partidas, superando estatísticas dos rivais

Os números não mentem. Após um início conturbado no Flamengo, o técnico Domènec Torrent vem conseguindo implementar seu estilo de jogo e fazer o time crescer. E não são só os 11 jogos sem perder que dizem isso. Nas estatísticas do Brasileirão, a equipe rubro-negra está muito bem posicionada em vários quesitos. Além do melhor ataque da competição, o Rubro-Negro tem a maior posse de bola, o maior número de passes e cruzamentos, entre outros números expressivos.

De acordo com dados dos sites Gazeta Esportiva e Transfermarkt, o MRN mostra como o jogo posicional baseado na posse de bola do técnico catalão tem funcionado e dado ao Flamengo o controle das partidas, tornando o time um adversário muito difícil de ser derrotado.

Confira a posição do Flamengo em cada quesito:

Quesito:Números:Posição no campeonato:
Gols32
Finalizações certas110
Passes certos7842
Posse de bola61%
Assistências22
Dribles certos 77
Lançamentos certos220
Cruzamentos certos 94
Desarmes certos25211º
Dados dos sites Gazeta Esportiva e Transfermarkt

O Flamengo está entre as três primeiras posições em praticamente todos os quesitos, exceto nos desarmes. Esse número é reflexo do estilo de jogo, que prioriza a posse de bola e o controle do jogo. O Internacional, time que lidera os desarmes, tem como proposta um jogo mais reativo, mais dependente dos erros do adversário, sendo apenas o 5º colocado na posse de bola.

Na partida entre os dois times, que dividem a liderança do Brasileirão, o ímpeto do time gaúcho deu trabalho ao Flamengo no primeiro tempo, mas o Rubro-Negro conseguiu dominar as ações na segunda etapa, conseguiu o empate e por pouco não conseguiu a vitória. Nos oito quesitos analisados, o Flamengo supera o Atlético-MG e o Internacional em sete deles.

- Advertisement -

Levando em conta as dificuldades que teve, o surto de Covid-19, as lesões e a maratona de jogos, é impossível dizer que o trabalho de Domènec não é bom. A pressão das comparações com Jorge Jesus sempre vai existir, mas uma coisa é certa: o Flamengo segue no caminho dos títulos…

*Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Divulgação/Flamengo

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here