Compartilhar:

Lucas Tinôco, do MRN Informação

A fase do Flamengo dentro de campo tem refletido também fora dele. Nas redes sociais, o clube segue com altos números de interações e, em janeiro, rompeu a marca dos 28 milhões de seguidores nas quatro redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter e YouTube).

O levantamento feito pelo Ibope Repucom apontou que no último mês o rubro-negro conseguiu 730 mil novos internautas nas mídias combinadas, o terceiro melhor resultado mensal da sua história (lembrando que as análises começaram em junho de 2016), ficando atrás apenas de novembro de 2019 (1,8 milhão) e outubro de 2019 (+800 mil).

Com isso o Flamengo chegou aos 28,7 milhões de seguidores, sendo 12 milhões no Facebook, 7,5 milhões no Instagram, 6,4 milhões no Twitter e 2,6 milhões no YouTube.

Flamengo liderou interações no Instagram e Twitter em dezembro e confirmou ano de domínio no continente

O alto número de usuários conectados ao Mais Querido no meio digital tem gerado, também, alto índices de interações. No Twitter, por exemplo, o clube chegou ao seu oitavo mês consecutivo na liderança de interações em toda a América, segundo dados do “Deportes & Finanzas”. Além disso, essa foi a 29ª liderança mensal do Flamengo nos últimos 31 meses.

Com 8,76 milhões de interações no Twitter no primeiro mês do ano, o rubro-negro não só liderou todo o continente americano, mas também ficou no Top 3 do Mundo, atrás apenas de Liverpool (13,3 milhões) e Barcelona (9,42 milhões).

No Facebook o Mengão somou 6,55 milhões de interações, número que também o colocou na liderança da América em todos os esportes, a frente do San Francisco 49ers e do Kansas City Chiefs, que participaram do último Super Bowl. Além deles, o clube superou o Los Angeles Lakers e o Green Bay Packers.

O bom número também consagrou o rubro-negro como Top 10 do Mundo, ficando na 9ª colocação, a frente do Manchester City.

Para finalizar, o clube foi líder da América também no YouTube, com 16,4 milhões de views em janeiro, 10 milhões a mais que o Corinthians, o segundo colocado.

O Deportes & Finanzas ainda não publicou os dados do Instagram.

*Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Divulgação / Ibope Repucom

Compartilhar: