Compartilhar:

Com a derrota por 5 a 0, o Flamengo foi o primeiro campeão vigente da competição a levar goleada em 60 anos do torneio

MRN Informação | Gustavo Castelano – Twitter: @gucastelano

Quando o árbitro Wilmar Rodan soou o apito dando fim ao confronto entre Del Valle e Flamengo, na noite desta quinta (18), pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores, o Rubro-Negro registrou um feito inédito e vexaminoso em sua história: com a derrota por 5 a 0, o Flamengo foi o primeiro campeão vigente da competição a levar goleada em 60 anos do torneio.

Veja também: #ForaDome: torcida do Flamengo pede saída do técnico após derrota para o Del Valle pela Libertadores

Em uma partida atípica, que somou má exibição física, técnica e tática, a equipe comandada por Domenèc Torrent sofreu com o acachapante resultado, no Estádio Municipal Ruminahui, no Equador, que a torcida não presenciava há mais de uma década. Antes desta fatídica noite, a última derrota do Flamengo pelo mesmo placar havia sido em 2009, para o Coritiba, em confronto válido pelo Brasileirão. No mesmo ano, o rubro-negro se consagraria hexacampeão nacional.

A derrota de hoje tirou o indigesto top 3 de piores vexames do Mais Querido na competição continental. Agora a derrota para o pelo elástico placar Grêmio 5 a 1 Flamengo, ocorrida em 1984 caiu para a segunda posição, seguida pela derrota para o Defensor por 3 a 0, em 2008. Por mais que a totalidade da torcida rubro-negra queira esquecer essa data, o fato é que 18 de setembro de 2020 entra para a história do clube de forma negativa.

Ajude a divulgação rubro-negra de qualidade: Seja apoiador do MRN e participe do nosso grupo de Whatsapp.

*Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Del Valle / Divulgação

Compartilhar: