Flamengo não toma conhecimento da KaBuM! e termina invicto a 1ª semana do CBLOL

Em mais uma partida sem sustos, Flamengo e-sports afasta fantasmas do passado e termina a 1ª semana do CBLOL com duas vitórias

O draft, provavelmente, foi o momento de maior tensão para a Nação Rubro-Negra no 2º jogo do Flamengo e-sports no 1º Split do CBLOL 2021. Ranger de Graves contra a KaBuM! não traz boas lembranças para o flamenguista. A escolha, porém, mostrou seu valor e o caçador brilhou em mais uma grande exibição da equipe.

Os retrospectos de Ranger e Absolut com os campeões escolhidos para o jogo não eram dos melhores. Ranger havia jogado 5 vezes com Graves, tendo ganho apenas uma vez. Entre eles, estão os 3 jogos da final do 1º Split do CBLOL 2020. A insistência com o personagem ficou muito marcada e virou piada entre os flamenguistas. Já o atirador tinha 6 partidas com Aphelios e apenas duas vitórias. O jogo de hoje mostrou que o recorde negativo deve ficar para trás com grande exibição da dupla e seus companheiros.

O jogo

Análise da partida contra a KaBuM!
Dados da tranquila vitória rubro-negra. Divulgação CBLOL

Assim como na 1ª rodada, o Flamengo mostrou muita calma desde o início da partida e focou novamente nos objetivos neutros.

Os primeiros minutos de jogo foram novamente sem grandes ações por ambas as equipes. Aos 6 minutos, o Flamengo aproveitou alguns vacilos dos adversários para garantir o 1º dragão da partida. 2 minutos depois, a primeira grande luta da partida aconteceu. O rubro-negro saiu na vantagem, apesar das duas equipes terem conseguido 2 abates, por ter conquistado o Arauto.

- Advertisement -

O Flamengo continuou ditando o ritmo da partida conquistando espaço pelo mapa com a destruição de torres, além de alguns abates. Aos 14 minutos, uma chamada duvidosa de Arauto por parte da KaBuM! não resultou em luta, mas entregou o objetivo de bandeja aos rubro-negros.

Por volta dos 17 minutos mais um show do Flamengo. Tudo começou com uma bela jogada de Redbert na rota do meio, que resultou em um abate. Depois, os rubro-negros eliminaram os 4 adversários restantes na rota inferior em uma bela coordenação de ultimates entre Parang e Tutsz. O ace resultou no 3º dragão para o Mais Querido.

O show de Redbert continuou que impressionou com a precisão de suas ultimates. As iniciações do suporte foram essenciais para o Flamengo ir conquistando pick offs e abrir espaço no mapa, levando à conquista do Barão aos 21 minutos.

Redbert MVP da partida contra a KaBuM
Redbert é eleito o MVP da partida. Divulgação CBLOL

Com o bônus do Barão em mãos e mais uma ultimate precisa de Redbert, o Flamengo teve facilidade para começar a destruição da base inimiga aos 23 minutos. Além da habilidade individual e coletiva da equipe, a calma dos jogadores também vem chamando atenção. Os rubro-negros não tem dado chance ao azar e tem tomado as decisões mais seguras para não correrem riscos na partida. Com isso em mente, depois de derrubar 2 inibidores da KaBuM!, o Flamengo partiu rumo à conquista da Alma da Montanha aos 24 minutos.

Com o bônus elemental em mãos e uma grande vantagem no ouro, foi preciso apenas voltar uma última vez à base para partir rumo à vitória. Em mais um show de coordenação de ultimates, o Flamengo não deu chance para os adversários, derrubando um a um. A tranquilidade era tanta que os rubro-negros não destruiram o Nexus antes de conseguir abater os 5 adversários. Bankai, top laner adversário, tentava em vão fugir para se manter vivo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here