27.5 C
Rio de Janeiro
terça-feira, novembro 24, 2020

VP do Flamengo considera inviável reformas na arquibancada da Gávea

Rafael Sacharny
Jornalista carioca formado pela FACHA, 25 anos e pós-graduando em Jornalismo Esportivo.

Uma das principais dúvidas da torcida do Flamengo é sobre as condições do Estádio da Gávea, que fica situado na sede do clube

Além de não saber qual a situação da Gávea e se a estrutura pode ou não receber jogos do profissional, alguns torcedores também costumam criticar bastante a qualidade do gramado em que partidas do futebol feminino e de base são disputadas.

Desde o retorno do futebol após a paralisação da pandemia, a base do Flamengo atuou onze vezes em seu estádio, na Gávea. Foram nove partidas do Sub-20 e mais duas pelo Sub-17. Só no mês de outubro, as equipes estiveram em sete duelos como mandante no gramado do José Bastos Padilha. Da mesma forma, o time de futebol feminino do Flamengo disputou três partidas no estádio. Portanto, foram 14 jogos em pouco menos de dois meses.

A fim de buscar respostas para as questões, o MRN entrevistou Gustavo Fernandes, vice-presidente do Fla-Gávea. O diretor explicou então que no momento, não há a possibilidade de jogos do elenco profissional serem realizados na Gávea.

“O investimento se torna inviável pelo número de torcedores que normalmente comparecem para assistir às partidas” 

Para receber público, o clube precisaria fazer reformas com o intuito de cumprir exigências de segurança, visto que a arquibancada não está em boa situação. Atualmente o Flamengo só está liberado para o uso dos vestiários e para fazer a obra no ginásio Togo Renan Soares, que ficam sob a estrutura. Em relação ao gramado, Gustavo contou qual a responsabilidade da empresa Greenleaf e explanou o motivo de alguns jogos terem modificados de locais.

Confira a entrevista completa do MRN com Gustavo Fernandes, vice-presidente do Fla-Gávea

Existe uma empresa responsável pelo cuidado, manutenção e aprimoramento do gramado no estádio da Gávea? Ou o Flamengo realiza tudo por conta própria?

– A manutenção do campo oficial (de grama natural) da Gávea, CT (Ninho do Urubu) e Maracanã, são efetuados pela empresa Greenleaf. Em cada local destes, individualmente, é feita uma avaliação permanente juntos aos técnicos da empresa e tomadas as atitudes necessárias para deixar o gramado em condições de jogo. No caso nosso da Gávea, foi optado por reformar: retirar toda a grama antiga, nivelar o terreno e replantar com a variedade desejada.

Visto que muitos jogos de futebol de base estão sendo disputados na Gávea, gostaria de saber qual é a capacidade do gramado para receber tantos jogos em sequência?

– Nós temos efetuado a manutenção diária que nos foi recomendado e efetuamos o controle de atividades/jogos. É verificado o estado do gramado da Gávea após as partidas e traçado um plano de adubação, corte, cuidados especiais. Se houver qualquer problema, o próximo jogo ou jogos são transferidos para outro local para a sua imediata recuperação. 

* Recentemente o Flamengo teve que pedir duas alterações de local. Os jogos contra o América, pela Taça Rio, e contra o Goiás, pela Copa do Brasil, foram realizados no CEFAN e em Saquarema, respectivamente.

No ano passado, os torcedores não podiam acompanhar as partidas na arquibancada da Gávea, que estavam interditadas pois havia o risco de acidente. Quando foi realizada a última revitalização da arquibancada? A atual gestão tem a intenção de realizar obras no estádio/arquibancada?

– Efetuamos uma manutenção no início da gestão, no revestimento da arquibancada. Além de contratar uma empresa especializada em cálculo estrutural para verificar (dar um laudo técnico) a estrutura. Por isso ela foi liberada para o uso dos vestiários e se fazer a reforma da Quadra Togo, ginásio que se encontra embaixo da estrutura da arquibancada. 

– Para uso de público nos jogos, teríamos que adequá-la com saídas de emergência, escadas externas, barras de contenção de torcedores nos degraus (as barras antipânico) e toda uma infraestrutura moderna. O investimento se torna inviável pelo número de torcedores que normalmente comparecem para assistir às partidas.

As partidas do futebol de base não costumam ser disputadas à noite na Gávea, pois não há uma iluminação adequada para as transmissões de televisão. Como resolver esse problema? 

– Complicado ter neste momento a iluminação necessária para jogos noturnos, temos que lembrar da necessidade de uma nova subestação de energia, com uma capacidade maior, instalação de gerador, o que não se consegue fazer sem um bom planejamento e investimento, lembrando também que estamos ao lado de um hospital (Miguel Couto). Está no nosso radar, mas são necessários todos estes passos anteriores, não será no curto/médio prazo.

O estádio da Gávea está apto para receber jogos de futebol profissional?

– No momento não. (vide todas as explicações acima)

Em 2015 já havia tido obras de melhorias no ginásio Togo Renan Soares, mas neste momento ele está em obra novamente, qual o motivo da atual?

– Sim, tivemos em fevereiro de 2019, fortes chuvas que geraram uma enchente no clube, queda de árvores e vários problemas decorrentes. Várias galerias estavam entupidas o que provocou alagamentos. A água empenou o piso da referida quadra, sendo assim, estamos refazendo todo o piso, adequação de paredes, recuperando partes do teto onde já haviam vazamentos, pintura nova e iluminação adequada.

Ginásio Togo Renan Soares “Kanela”, na Gávea, em obras. (Foto: Arquivo pessoal)

Assim como no profissional, os elencos das categoria de base do Flamengo seguem na maratona de jogos. Afinal, os Garotos do Ninho do sub-20 disputam o Estadual e o Brasileirão ao mesmo tempo. Em contrapartida, a equipe de Mauricio Souza saiu da Copa do Brasil e terá mais tempo para os treinamentos.

Portanto, o Rubro-Negro tem pela frente dois confrontos no fim de semana. Enquanto o time sub-17 duela contra o Fluminense fora de casa, o sub-20 encara o Santos, também como visitante. Ambas são pelo Brasileirão de cada categoria.

*Crédito das imagens: Rafael Sacharny – MRN

Gostou desse conteúdo? Nós acreditamos ser possível falar sobre o Flamengo com qualidade. Seja nosso apoiador!

Leia também

Notícias do Flamengo

Torcedores do Botafogo caem em pegadinha de flamenguistas antes de jogo contra o Fortaleza

O que os botafoguenses não contavam é que tudo não passava de uma pegadinha de torcedores do Mengão

Gabigol com a camisa do Boca gera discussão acalorada em programa argentino; assista

Gabigol posou para tirar foto com a camisa do Boca nas dependências do clube. Todos os detalhes você encontra no site do Mundo Rubro Negro

Veja as escalações que Ceni pode utilizar para Racing x Flamengo

Ceni terá os retornos de Filipe Luís e Gabigol para escalar a equipe que enfrentará o Racing nesta quarta, às 21h30. Detalhes no MRN

Willian Arão revela treinos de Rogério Ceni e mudança em relação a Domènec

Willian Arão projetou jogo difícil contra o Racing, mas revelou que o Flamengo não pretende mudar o estilo e vai jogar de forma ofensiva

Cano dá dicas ao Racing e exalta Flamengo: ”Jogam em outro nível”

Em entrevista ao Diario Olé, atacante do Vasco elogiou o Flamengo. Todos os outros detalhes na matéria do site Mundo Rubro Negro

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Blogs

23 de Novembro de 2019. Lima. Peru. Um ano da Glória Eterna

O Flamengo é o que não se explica. Há um ano, a América voltava a ser pintada de vermelho e preto, em um roteiro digno de cinema

Voamos todos na parábola de Diego

Sempre temi o destino de ser um morto soprado de inveja nas bancadas da eternidade, ressentido por um auge tardio do Flamengo

23 de Novembro ficou marcado na história rubro-negra

Nem a vitória parcial do River tirou a certeza de que aquele dia seria abençoado, afinal foi no mesmo dia 23 de novembro

O Flamengo existe porque a vida não basta

Cada um viu um filme diferente. De alguma forma, porém, todos aqueles filmes eram o mesmo. O mosaico do que é ser Flamengo

Quatro marcados, cinco perdidos: o “Pênalti para o Flamengo!” assusta em 2020

Vitinho perde o 5º pênalti do Flamengo em 2020; na temporada, o aproveitamento do clube carioca em cobranças de pênalti é inferior a 50%