Compartilhar:

A novela envolvendo o substituto de Jorge Jesus no Flamengo ganha novos capítulos a cada dia, mas nas últimas horas, o nome do espanhol Domènec Torrent ganhou força nos bastidores do clube da Gávea.

Pelo longo período que trabalhou com o considerado melhor treinador do mundo, Pep Guardiola, Torrent se destaca entre todos os técnicos observados pelo Mais Querido. Foram 10 anos sendo auxiliar de Pep.

Ambos se uniram na temporada 2007/08, assumindo o Barcelona B. Na época, a equipe jogava a quarta divisão da La Liga, mas sob o comando de Guardiola e Torrent, os catalães subiram para a terceira e venceram os playoffs que os classificavam para a segunda divisão. Com o sucesso, a dupla assumiu a equipe principal do Barça em maio de 2008. No comando da lendária equipe de Messi, Xavi e Iniesta, foram vitoriosos anos até 2012, com conquistas marcantes como a Champions League, Mundial de Clubes e La Liga.

Por ter tido sucesso ao lado de Torrent, Guardiola convidou seu auxiliar para continuar com ele nos próximos desafios, e ambos se mudaram para o Bayern de Munique. No clube alemão, conquistaram títulos como a Bundesliga e Mundial. Já em terras inglesas, a principal taça foi a da Premier League, pelo Manchester City. Ao todo, foram 24 troféus conquistados pela dupla.

Na última segunda-feira (20), em entrevista coletiva, Guardiola elogiou bastante seu antigo auxiliar.

Eu aprendi muito com ele, aprendemos juntos. Parte do nosso sucesso que tivemos em Munique e aqui em Manchester foi por causa dele. Fico feliz de saber que as pessoas pensam nele neste momento estranho, da pandemia do coronavírus. As decisões que precisam ser tomadas não são fáceis, vamos ver”.

Em junho de 2018, Torrent teve o desejo de ser o treinador principal de uma equipe, e se separou de Guardiola para assumir o New York City FC. Na primeira temporada ficou em terceiro lugar na conferência leste, garantindo um lugar na fase de playoffs (mata-mata), mas acabou sendo eliminado na primeira rodada. 

No ano seguinte, o treinador terminou em primeiro lugar no leste, naquela que foi a melhor temporada da história no New York City. Nos playoffs, terminou eliminado novamente, desta vez nas semifinais. Torrent deixou o clube da MLS em novembro de 2019.

Para Guardiola, Domènec tem plenas condições de assumir o desafio no Flamengo: ”Eu acho que ele está absolutamente preparado para qualquer país. Ele fez a melhor temporada da história do New York City na última temporada. Ele é incrivelmente bem preparado, tem muita experiência. Não tenho nenhuma dúvida sobre sua capacidade”.

Por último, Pep enxerga que Torrent tem um estilo de jogo ofensivo parecido com o seu, mas faz uma ressalva: ”Eu acredito que sim (filosofia de jogo parecida). Ser agressivo com a bola, tentar marcar gols, defender bem… Mas cada técnico tem seus detalhes particulares, suas próprias coisas. Não é copiar e colar. Pep é Pep, Domènec é Domènec”.

Em busca de um novo técnico, o Flamengo se reapresenta nesta quarta-feira no Ninho do Urubu, com o treinamento sendo comandado pelo interino Maurício de Souza.

Créditos de imagem destacada: Divulgação

Compartilhar: