Compartilhar:

Na sua primeira temporada no Flamengo, Gabigol marcou 43 gols, maior marca de um jogador em uma temporada pelo clube desde os 48 marcados por Romário em 1999. Foi o suficiente para se tornar o sétimo maior artilheiro do Flamengo no século XXI. Com sua contratação em definitivo confirmada hoje, Gabigol tem um desafio já para a sua segunda temporada no clube: se tornar o artilheiro do século no Flamengo.

O atual detentor da marca é o meia Renato Abreu, que marcou 73 gols em 271 jogos pelo Flamengo em duas passagens entre 2005 e 2013. Para passá-lo em 2020, Gabigol precisa marcar 31 vezes, 12 gols a menos do que fez no ano passado.

Já chegar ao segundo lugar na lista será bem mais fácil. Atualmente a posição é dividida por Vagner Love, Léo Moura e Obina. Os três marcaram 47 vezes.

Gabigol está atrás ainda de Hernane Brocador, que fez 45 gols pelo Flamengo, e Edílson, que marcou 44 vezes no século (o Capetinha tem 51 gols no total, mas 7 foram marcados em 2000, que pertence ao século XX).

O próximo gol que Gabigol marcar significará o desempate com Guerrero na artilharia do século. O peruano marcou em três temporadas a mesma quantidade de gols que Gabigol fez no seu primeiro ano pelo Flamengo.

No geral da história, Renato Abreu é somente o 37º jogador que mais marcou gols com a camisa do Flamengo. Caso cumpra o contrato até o fim e mantenha o faro goleador, porém, Gabigol terá a oportunidade de galgar muito mais posições nesta lista.

Compartilhar: