Indignado, Neto dispara: ”No Rio, acham que só existe Flamengo”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MRN Informação | Yago Martins — Apresentador do programa ”Baita Amigos”, o ex-meio-campista Neto exaltou o Botafogo enquanto entrevistava no último sábado (03) o auxiliar-técnico do alvinegro Lúcio Flávio. Por fim, o ex-atleta ainda disparou contra quem afirma que no Rio de Janeiro ”só existe o Flamengo”.

No Rio, acham que só existe Flamengo, e não existe só Flamengo. Para quem não sabe da história do Botafogo, tem Heleno de Freitas, Jairzinho, Garrincha, time que tem mais campeões mundiais, camisa maravilhosa, Túlio, Mauricio, Lúcio Flávio, Gerson, jogadores incríveis, mas precisa voltar a ser Botafogo. Vi uma entrevista do presidente dizendo que o clube deve R$ 1 bilhão, o que dificulta para treinador, auxiliar e jogadores”.

Em seguida, Neto também se mostrou preocupado com a situação do Vasco e do Cruzeiro, outros clubes que irão disputar a Série B ao lado do Botafogo.

”Acho que o Botafogo tem que dar um basta. Passou da hora. Precisa ter entendimento da força do Botafogo, do Vasco, do Cruzeiro, do Corinthians. Entrevistei o presidente do Fortaleza, tudo certinho e bonitinho. Imagine o Botafogo, que caiu para a Série B, com aquilo que está acontecendo no mundo, não poder ter torcida, na Série B onde o torcedor se apaixona mais e precisa dele para subir. Tem que ter um basta”.

Leia também: Jornal uruguaio revela apelido de Arrascaeta e destaca fase campeã do Flamengo

Neto quase jogou no Flamengo em 1984

Após Zico ter deixado o Flamengo em 1984, a pergunta da época foi: ”Quem será seu substituto?”. Mas por muito pouco, um dos meias que se tornou ídolo do Corinthians, ocupou este lugar: trata-se de José Ferreira Neto, mais conhecido como Neto.

Em vídeo publicado em seu canal do YouTube, o atual apresentador do programa Os Donos da Bola, da Band, revelou que chegou a se reunir com o então presidente do Flamengo na época, George Helal. No entanto, as conversas não caminharam para um final feliz.

Eu quase assinei um contrato com o Flamengo, na época que o Zico foi jogar na Udinese. O George Helal tentou me contratar, conversei com ele. Foi uma experiência muito legal que tive, por que você vir para o Flamengo, jogar em um clube tão grande, um dos maiores clubes do mundo, teria sido uma honra, vestir a camisa dez do Zico. Mas, foi uma coisa que não deu certo. Porém hoje, percebo que poderia ter dado”, contou Neto.

Yago Martins no Twitter e Instagram

Notícias do Flamengo

Blogs