Compartilhar:

Matheus Leal, da equipe MRN Informação

Faltam menos de 24h para o grande dia. Neste sábado (21), às 14h30 (horário de Brasília), o Flamengo entra em campo para enfrentar o Liverpool valendo o título do Mundial de Clubes. Nesta sexta, o técnico Jorge Jesus concedeu entrevista coletiva e projetou não só a decisão, mas também o confronto Gabigol x Van Dijk.

Acesse agora useartillero.com e concorra a uma camisa irada na promoção de lançamento do site!

“Como o Bruno Henrique diz, são duas equipes que estão em outro patamar. O Flamengo consegue contratações de um bom nível no Brasil, mas não há comparação. Vamos enfrentar um campeão da Champions. São os melhores do mundo. O Flamengo entrou em uma órbita onde podemos fazer equilíbrio com diferença tática. A diferença é que os europeus têm os melhores jogadores do mundo, o Flamengo não tem os melhores jogadores do mundo, mas tem bons jogadores. O que vamos fazer contra o Liverpool é olhar para o jogo como olhamos nesses três meses. O Liverpool é o melhor clube da Europa, falta ser considerado o melhor do mundo. Nós também temos a oportunidade, vencemos a Libertadores. O Mundial será cada vez mais importante”, disse Jorge Jesus.

“Todos sabem que o Van Dijk é um dos melhores defensores do mundo, mas tem fragilidades. O Gabigol é um grande atacante e difícil de ser marcado. Acho que será um grande espetáculo. Os jogadores do Flamengo vão correr o que nunca correram, assim como os do Liverpool”, analisou.

Jorge Jesus também foi perguntado sobre seu futuro. Permanece no Flamengo ou retorna para a Europa? De acordo com o português, apenas cinco times na Europa teriam condições de seduzi-lo ao deixar o Fla, dando a entender que permanece em 2020.

“Sobre o mercado de trabalho para mim, eu abro a minha mão e vejo cinco possibilidades de Europa. Se não forem esses, nem adianta procurar que não vou. O mais importante, para mim, é sermos vencedores para que, daqui a um ano ou dois, a gente possa dizer que o Flamengo é um dos maiores clubes do mundo não só em torcedores, que é o maior, mas desportivamente”, afirmou Jorge Jesus.

VEJA OUTROS TRECHOS DA COLETIVA DE JORGE JESUS:

IDEIA DE JOGO

“Cada treinador tem a sua ideia. O que o Flamengo tem passado ao longo desses seis meses é uma ideia de olhar sempre para o gol, sempre para frente, para o espetáculo. Nós, europeus, somos formados não só para ganhar, mas para dar espetáculo”.

MUNDIAL OU CAMPEONATO NACIONAL?

“Entendo o que o Klopp diz. Os europeus dois ou três anos para cá estão vendo essa competição como mais importante junto com a Champions, mas estive em uma situação parecida. Entre ser campeão do mundo ou da Inglaterra, que não vence há 30 anos, o que importa mais para os fãs? Não tenho dúvida de que é o campeonato local, até pela rivalidade. Tem o Manchester United, outros… Não é a final que vai interferir no próximo jogo do campeonato da Inglaterra. Ele vai juntar o útil ao agradável.O mais importante para um clube é ser campeão do seu país, e vocês no Brasil preferem uma tacinha qualquer porque dá mais dinheiro. Na Europa, a preferência é o campeonato do seu país”

FLAMENGO É UM DOS MELHORES DO MUNDO?

“Já treinei os melhores clubes do mundo, não tenho dúvida nenhuma. No dia que se começa a ganhar como estamos ganhando, o Flamengo será talvez um dos três maiores clubes do mundo, não tenho dúvidas. E não está na Europa. Só é qualificado como melhor do mundo se ganhar títulos importantes”.

Não deixe de ler também

Siga o autor: @matheusleal1

Compartilhar: