Idealizado por Zico, Jogo das Estrelas não acontecerá em 2020

Conhecido por reunir craques em atividade e aposentados, Jogo das Estrelas de 2020 é cancelado

O Jogo das Estrelas é conhecido por ser o amistoso beneficente mais famoso do futebol brasileiro. Idealizado por Zico, maior ídolo da história do Flamengo, a partida ocorria, costumeiramente, no Maracanã. As arquibancadas ficavam tomadas por flamenguistas, já que era uma oportunidade, para muitos que são de gerações mais recentes, de ver o Galinho em campo. Mas, em 2020, essa é uma carta fora do baralho.

O filho de Zico, Junior Coimbra, veio às redes sociais nessa semana para anunciar o cancelamento do amistoso, em virtude da pandemia do novo coronavírus. Nas palavras de Junior, foi uma decisão muito difícil a ser tomada, mas definitivamente a mais acertada e correta, diante da situação que o Brasil e o mundo vivem.

Idade dos participantes do evento foi determinante na decisão

O Jogo das Estrelas sempre reuniu diversos jogadores e ex-jogadores. Em 2019, por exemplo, estiveram em campo estrelas do futebol mundial na atualidade, como Lucas Paquetá, Vinícius Júnior, Éverton Ribeiro e Gérson. Mas, aqueles que já penduraram a chuteira também deram o ar da graça, como Tita, Mozer, Leandro e Júnior, o “Capacete”.

Portanto, em virtude do alto número de integrantes que pertencem ao grupo de risco da Covid-19 por conta da idade avançada, não havia condições do evento acontecer. Antes da divulgação do cancelamento, foram feitos estudos de como o jogo poderia ser realizado, mesmo em meio a pandemia, desde que todos os cuidados sanitários fossem tomados. Sem sucesso.

- Advertisement -

“Mesmo assim, nesse cenário, a grande verdade é que a maioria esmagadora dos jogadores que estariam disponíveis pra participar do evento teria mais de 50 anos de idade, portanto em um grupo de risco bastante alto”, explicou Junior.

Muitos dos atletas que costumam participar do amistoso ainda se encontram em atividade no Brasil. Logo, com as alterações protocoladas no calendário do futebol nacional, vários ainda estariam servindo seus respectivos clubes nas competições que disputam. Dessa forma, mais um obstáculo apareceu no caminho da realização da partida.

Júlio César, Júnior, Adriano, Zico, Kaká… muitos são os craques já disputaram o Jogo das Estrelas.

Jogo das Estrelas pode virar evento virtual

Em muitas áreas, a solução para a continuação das atividades se deu em organização de eventos remotos e reuniões virtuais. As lives de artistas do mundo da música e programas jornalísticos são os maiores exemplos disso. E, dessa alternativa, os idealizadores do Jogo das Estrelas buscaram uma inspiração para não deixar de arrecadar doações para as instituições beneficiadas pelo amistoso.

Em seu Twitter, Junior Coimbra deu um spoiler de como deve funcionar o encontro, que ainda está em fase de planejamento. “Estamos trabalhando com a TV e com o nosso patrocinador em um possível evento virtual, no início de janeiro, que pretendemos fazer, com a participação de muitas estrelas que fizeram história nesses 17 anos. Espero em breve poder contar pra vocês isso melhor”, acrescentou.

Ao longo dos seus 17 anos de existência, o Jogo das Estrelas, apesar de ser mais identificado com o Rio de Janeiro, cidade natal de Zico, também já foi realizado em São Paulo. Enquanto o Maracanã estava passando por reformas para a Copa do Mundo de 2014, o amistoso se transferiu para o Morumbi. As primeiras edições aconteceram no Centro de Futebol Zico (CFZ). O Maracanã passou a receber o evento em 2007.

Toda a renda de bilheteria dos amistosos é revertida em doações para instituições de caridade. Em 2019, o projeto beneficiado pela organização da partida foi o “Pro Criança Cardíaca”, especializado no auxílio a crianças que estão em espera para serem operadas.

Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Alexandre Loureiro/BP Filmes

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here