Compartilhar:

Matheus Leal, da equipe MRN Informação

Jorge Jesus é o novo astro português. Desde que retornou ao país após o Mundial de Clubes, o treinador do Flamengo não para de conceder entrevistas e ser homenageado. Nesse domingo, a CMTV fez um programa especial com mais de 3h de duração apenas conversando com o comandante rubro-negro.

Acesse agora useartillero.com e concorra a uma camisa irada na promoção de lançamento do site!

Jorge Jesus enalteceu o Flamengo, mas também aproveitou para fazer críticas aos valores da provável venda de Reinier ao Real Madrid. Além disso, cutucou Renato Gaúcho e não garantiu sua permanência até o fim de 2020. O Mundo Rubro-Negro separou os principais assuntos da entrevista. Confira abaixo:

OBSESSÃO POR UM PONTA DE LANÇA E SURGIMENTO DE REINIER

“A primeira conversa antes de me contratarem eu disse ao Flamengo: eu só aceito se me derem um ponta de lança. Só que a janela só abriria a frente. Até lá, o que eu fiz: perguntei quem eram os melhores da base. Me indicaram o Reinier e o Vinicius Souza, que é um meia central. Nos primeiros treinamentos eu fui ao Pelaipe e disse que o Reinier já não sairia mais do profissional”, relembrou Jorge Jesus.

CRÍTICAS AOS VALORES DA VENDA DE REINIER

“O Flamengo é uma marca mundial e ainda não sabe valorizar a sua marca. Um jogador como o Reinier não pode ser vendido por 30 milhões de euros. Nisso o Benfica é espetacular. O Benfica vende jogadores até acima do seu valor. O Flamengo ainda não sabe valorizar sua marca”

RESPOSTA A RENATO GAÚCHO

“Eu achei que só poderia responder com trabalho e foi o que eu fiz. O Renato também nunca saiu do Brasil, nunca ganhou um Campeonato Brasileiro e pronto. Ele é um treinador querido no Brasil. Antes de eu chegar era o número 1”, afirmou o treinador rubro-negro.

PROPOSTAS DA CHINA

“Eu fui convidado por duas equipes chinesas antes da Libertadores e eles me pagariam o que nenhum treinador ganha no mundo. Eu disse a eles que antes da final da Libertadores e do Mundial, eu não discutiria isso. Meu foco era o Flamengo. Uma semana antes do Mundial uma dessas equipes foi ao Brasil pedindo que eu resolvesse logo e eu recusei, porque eu falei que só discutiria alguma coisa depois de falar com os dirigentes do Flamengo e após o Mundial. Eu nunca coloquei o financeiro a frente da minha carreira. Escolho em função daquilo que meu coração indicar”

FUTURO INCERTO NO FLAMENGO

“Não sei se vou continuar no Flamengo depois de maio. Até maio vou continuar, isso tenho certeza quase que absoluta… só se aparecer um Real Madrid como aconteceu com o Reinier e aí não podemos fazer nada. Se eu quisesse sair agora, poderia sair. E o Flamengo também. Pode me mandar embora amanhã sem me pagar quase nada. Mas eu vou cumprir meu contrato pela forma como a torcida me tratou. Isso pra mim é muito importante”

PREFERÊNCIA PELA ESPANHA E RECUSA AO EVERTON

“O Campeonato Espanhol é o que mais me seduz, porque tem mais paixão ao futebol, é mais sentimental e mais tático. Tira o Liverpool, Manchester City e mais duas equipes da Inglaterra e veja jogar o sexto contra o oitavo. Não tem qualidade nenhuma do ponto de vista tático e técnico. Se eu quisesse estar no Everton… Mas hoje eu posso escolher. Amanhã talvez já não possa mais”

ELOGIOS AO FLAMENGO

“Hoje estou no maior clube do mundo. Só não é desportivamente. Maior clube, mais apaixonante, a torcida é louca pelo Flamengo. A forma do brasileiro gostar de um clube é diferente. Faz parte da vida deles. Então, você muda de um clube pra onde? Tem que escolher também senão não vale a pena, uma vez que o Flamengo quer que eu continue”

Não deixe de ler também

Siga o autor: @matheusleal1

Compartilhar: