Compartilhar:

Veja as notas e análises individuais da vitória do Flamengo sobre o Fluminense, pela nona rodada do Brasileirão

Notas atribuídas por torcedores da comunidade MRN – Pensar Flamengo

Leia as análises individuais e notas dos jogadores concedidas pelo time de colaboradores do MRN:

Gabriel Baptista: Foi um mero espectador do jogo, a única bola que poderia ter feito a diferença… Falhou! Nota: 4,0.
Por Sérgio Ribeiro – Twitter: @sergioribeiro04

Isla: Nosso lateral melhora a cada jogo, impressiona a força que chega no ataque, inteligente sabe a hora certa de apoiar, hoje deu pouca chance no seu lado para o ataque adversário e levou muita vantagem no ataque, chegando com perigo a linha de fundo e sendo importante na dupla com Everton Ribeiro. Nota: 8,0.
Matheuzinho: Entrou no final, não teve muito tempo para jogar, manteve o bom nível na defesa mas não teve muita chegada ao ataque. Nota: 5,0.
Por Marcio Marcondes – Twitter: @mjmarcondes

Rodrigo Caio: Mais uma partida segura do bom zagueiro. Firme quando necessário e calmo com a bola nos pés. Infelizmente, pareceu desatento no lance do gol do Fluminense. Nota: 6,0.
Por Miguel Peters – Twitter: @miguelpeters

Gustavo Henrique: Uma partida ok do zagueiro. Sem grandes sustos e com movimentação correta acompanhando a linha defensiva. Nota: 6,0.
Por Edson Lira – Twitter: @Edsonjslira

Filipe Luís: Atuação segura e eficiente, premiada com um golaço. É impressionante a sua tranquilidade e classe. Nota: 8,5.
Por Danton Freitas

Thiago Maia: Mais uma grande partida do volante. Jogou hoje mais atrás, acelerando a transição e ajudando na construção de diversos ataques. Muito consistente na marcação, roubou diversas bolas. Não faltou raça e qualidade no passe. O acreano é um grande jogador. Nota: 8,5.
Michael: Entrou aos 38 minutos do segundo tempo para explorar o lado direito do Fluminense. Conseguiu executar boa jogada individual no bico da grande área. Nota: 6,0.
Por Diogo Almeida – Twitter: @DidaZico

Ajude a divulgação rubro-negra de qualidade: Seja apoiador do MRN e participe do nosso grupo de Whatsapp.

Gerson: Nosso coringa mostrou evolução, não brilhou como estamos acostumados, mas fez um jogo mais seguro, a que tudo indica com a parte física já em dia, se apresentou bem, chegou na área, deu um vacilo levando o amarelo e como estava pendurado fica fora do próximo jogo. Nota: 7,0.
Por Caroline Menezes – Twitter – @kaka_menezes07

Diego: Foi escalado mais a frente do que vinha jogando e centralizado. Fez um bom jogo mas no terco de campo que jogou a maior parte do tempo precisa soltar mais a bola e isso atrasou um pouco algumas jogadas de ataque, depois recuou um pouco e melhorou, sendo importante na condução da bola ao ataque. Fez um bom jogo. Nota: 7,0.
William Arão: Mais uma vez fez um bom jogo, impressiona o Arão taticamente hoje, noção de cobertura, de saída de bola, jogador que dificilmente joga mal hoje em dia. Entrou no lugar de Diego mas em outra posição, conseguiu manter o nível no meio-campo, na saída de bola e até melhorou a marcação. Nota: 6,0.
Por Marcio Marcondes – Twitter: @mjmarcondes

Everton Ribeiro: É um espetáculo de jogador, como sempre desfilando seu futebol MESSINIANO. Hoje não foi tão brilhante, porém flutua o campo inteiro, me parece o melhor do time fisicamente. Nota: 8,0.
Ramon: Entrou nos acréscimos e não teve tempo de contribuir em nada. Sem Nota.
Por Sérgio Ribeiro – Twitter: @sergioribeiro04

Arrascaeta: O nosso uruguaio favorito fez boa partida, com participação nos dois gols. Mas perdeu algumas chances boas de deixar sua marca no placar. Nota: 7,5.
➡ Vitinho: Entrou no lugar de Arrascaeta para dar fôlego novo ao time, mas parecia estar em outra rotação. Mesmo assim, conseguiu criar algumas jogadas. Nota: 6,0.
Por Miguel Peters – Twitter: @miguelpeters


Gabigol: Falta um ajuste fino com os homens do meio para acertar o momento do passe que o deixaria na cara do gol. Deixou o seu numa jogada de oportunismo, o que é mais uma marca do artilheiro. Nota: 7,0.
Por Edson Lira – Twitter: @Edsonjslira

Domènec Torrent: Para a surpresa de boa parte da torcida o Catalão resolveu começar o jogo com o meio um pouco mais “povoado” com a entrada do capitão Diego. A estratégia parece ter funcionado bem já que o time conseguiu ter a maior parte da primeira etapa sob seu domínio. No segundo tempo fez algumas alterações previsíveis para rodar a equipe, como de costume, mas cometeu apenas um erro na minha humilde avaliação com a entrada do Vitinho no lugar do Arrasca, substituição que piorou muito a retenção e a saída de bola do lado esquerdo do time. Por fim, o mais importante é enxergar a evolução gradativa da equipe a cada partida. Nota: 7,5.
Por Marcelo Franco – Twitter @FrancoMarcelo_

*Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Alexandre Vidal / Flamengo

Ajude a divulgação rubro-negra de qualidade: Seja apoiador do MRN e participe do nosso grupo de Whatsapp.

Compartilhar: