Novo desafio! Ex-Flamengo iniciará carreira como treinador

Leandro Chagas
Bacharel em Jornalismo pela FACHA, e pós-graduando em Jornalismo Esportivo na UERJ. Mesmo com 24 anos, já posso dizer que fiz de tudo um pouco na comunicação. Atualmente trabalho na assessoria de imprensa da deputada Martha Rocha, e sou redator nos sites Mundo Rubro Negro e Playmaker Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Ídolo de Palmeiras, Cruzeiro e Coritiba, ex-jogador teve passagem relâmpago pela equipe rubro-negra

MRN Informação | Leandro Chagas – Twitter: @leandroxgs

Mesmo sendo um dos meias mais talentosos do futebol brasileiro em sua geração, Alex não conseguiu desempenhar seu melhor futebol com a camisa do Flamengo, tendo uma passagem relâmpago pelo clube. Longe dos gramados desde 2014, o ex-jogador que vinha atuando como comentarista dos canais ESPN, deixará sua carreira como comunicador de lado, para iniciar um novo ciclo em sua vida, como treinador de futebol a partir de janeiro. 

A despedida das telinhas acontecerá já na próxima sexta-feira (25/12), em uma edição especial do “Resenha ESPN”. A atração vai relembrar grandes momentos da carreira do ex-jogador que é ídolo do Palmeiras, Cruzeiro, Coritiba, e também do Fenerbahçe, da Turquia. 

LEIA TAMBÉM: Flamengo recebe laudo de ofensa de Ramirez a Bruno Henrique; veja o que foi dito

Gerson se pronuncia sobre caso de racismo direto da delegacia onde prestou depoimento; assista

O programa será apresentado por André Plihal, e terá a participação dos comentaristas Fábio Luciano e Djalminha. A edição que marcará a despedida de Alex, contará ainda com a participação especial de Zico, que foi treinador do ex-meia no Fenerbahçe. 

Vale lembrar que o Galinho já chegou a falar que Alex foi o maior jogador que ele teve a oportunidade de dirigir:

Passagem pelo Flamengo

Contratado com status de estrela em 2000, Alex atuou apenas em apenas 12 jogos com a camisa do Flamengo, marcando três gols. Em abril deste ano, durante uma entrevista ao quadro “Fã de Esporte Entrevista”, do canal ESPN Brasil, ele falou sobre sua passagem frustrante pelo Rubro-Negro:

“Nós entramos no período de férias, e o Flamengo ia começar a organizar o time de 2001. Aí vem a parte mais louca: eu fui jogador do Flamengo em agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro de 2000, ia dar cinco meses e o Flamengo não tinha me pago nada nesse período, disse, em entrevista ao quadro “Fã de Esporte Entrevista”, do canal ESPN Brasil, completando:

“Aí vem a parte mais louca da história: o Flamengo me devia cinco meses de contrato, e o presidente (Edmundo dos Santos Silva) falou: “Eu te libero se você abrir mão de R$ 100 mil” (risos). Eu falei: “Está bem, presidente… Não foi bom para vocês e nem para mim, as coisas não deram certo e eu abro mão”. Rescindi o contrato com o Flamengo, voltei a ser jogador do Parma, que me emprestou para o Palmeiras.”

Extremamente técnico e com uma visão de jogo diferenciada nos tempos de jogador, Alex focará totalmente na carreira de treinador em 2021, e tentará passar suas experiências como atleta para seus comandados. Exercer a função é um sonho antigo, desde a época em que ele ainda não havia deixado os gramados. 

Gostou desse conteúdo? Nós acreditamos ser possível falar sobre o Flamengo com qualidade. Seja nosso apoiador!

Notícias do Flamengo

- Advertisement -

Blogs