Compartilhar:

Yago Martins, do MRN Informação

O técnico Jorge Jesus pediu um centroavante para a diretoria rubro-negra, e o nome de Pedro é a bola da vez no Flamengo. A negociação não é fácil, mas o clube da Gávea irá adotar a mesma estratégia que usou nas vindas de Henrique Dourado e Arrascaeta para concluir a transação.

Há um ano e meio, Dourado foi contratado junto ao próprio Fluminense (clube atual de Pedro), por R$ 11 milhões. No início das conversas, o Tricolor não tinha interesse em vender o então atual artilheiro do Brasil para o seu maior rival, mas a dificuldade financeira do clube falou mais alto, e a transação com o Flamengo foi finalizada.

Este é o mesmo cenário que o Rubro-Negro espera contar em 2019. A proposta do Fla seria por 70% dos direitos econômicos de Pedro, mas o Fluminense no momento só aceita o valor da multa rescisória, que é de R$ 220 milhões para o exterior, e um pouco menor para o Brasil.

A quantia que o Flamengo ofereceu não foi revelada, mas todas as partes estão cientes que não é baixa. Por isso, o Rubro-Negro adota paciência na negociação e aguarda o momento em que o Fluminense irá ceder. O novo presidente eleito, Mário Bittencourt, ainda aguarda uma proposta irrecusável do futebol europeu por Pedro.

Oferta ao jogador

A proposta salarial que o Fla tem a oferecer ao artilheiro é bem superior ao que o atacante recebe atualmente, e seus representantes já aprovam a ideia da negociação.

Caso muito semelhante também ao do uruguaio Arrascaeta. Em janeiro, o Cruzeiro era enfático e dizia que o meia só iria sair pelo valor da multa (R$ 128 milhões), caso que não aconteceu.

O Fla teve paciência, fez uma proposta alta salarial ao atleta, que não se reapresentou na Toca da Raposa. Os empresários do uruguaio pressionaram o Cruzeiro pela saída, e a oferta Rubro-Negra de R$ 63 milhões foi aceita.

A informação do interesse do Flamengo por Pedro foi dada pelo jornal Lance.

Números de Pedro

Na última temporada, Pedro fez 40 jogos e 19 jogos. O desempenho rendeu convocação para a seleção brasileira e negociação com o Real Madrid, mas a grave lesão sofrida no joelho esfriou sua evolução. O atacante ficou oito meses parado, e voltou em abril deste ano. Em 2019, o centroavante entrou em campo sete vezes pelo Fluminense e marcou três gols.

Se a negociação for concluída, não será a primeira vez que o atacante vestirá a camisa do Flamengo. Pedro chegou a jogar nas categorias de base do Rubro-Negro de 2007 (Sub-11) a 2011 (Sub-15).

O MRN depende do apoio de leitores como você para continuar fazendo uma cobertura criativa, propositiva e ética do Clube de Regatas do Flamengo. ➡ Junte-se a nós

Compartilhar: