Compartilhar:

Em sua coletiva pós empate com o Flamengo, Renato pediu paciência com o catalão Domènec. Na Fox, Facincani ironizou o técnico do Grêmio

MRN Informação | Yago Martins – Twitter: @Yago_Martins23

O técnico Renato Gaúcho voltou a ser assunto na imprensa após sua coletiva no Maracanã, depois de sua equipe ter empatado em 1 a 1 com o Flamengo. O treinador do clube gaúcho ao ser perguntando sobre o novo comandante do rubro-negro, Domènec Torrent, pediu tempo para que o catalão se adapte ao futebol brasileiro.

Veja também: Revoltado, Canhotinha dispara: ‘Isso não é time do Flamengo’

Desejei sorte, é difícil chegar, treinar uma equipe grande, com torcida enorme vindo de dois títulos importantes e de repente as cobranças começam da noite para o dia. Brasileiro não dá tempo ao tempo”, afirmou Renato Portaluppi.

Tem que ter paciência até se adaptar ao país, ao grupo, aos adversários. Mas tenho certeza que a diretoria do Flamengo pensa assim. Sei quanto é importante receber bem os estrangeiros, muita gente acha que torcemos contra, pelo contrário, sempre recebemos muito bem, seja jogador ou treinador”, continuou.

Após a declaração de Portaluppi, o jornalista da Fox Sports, Felipe Facincani ironizou: ”Sabe porque ele está com boa vontade com o Flamengo? Porque o Flamengo não está jogando nada. Se o Fla com o Domènec estivesse jogando um bom futebol, e a gente tivesse elogiando, ele estaria tentando achar algum defeito. Como o Flamengo está jogando um futebol hoje comum, na mesma linha do Grêmio, Palmeias, Inter e São Paulo, ele fala isso”.

Na próxima rodada, a equipe do catalão Domènec Torrent vai em busca de sua segunda vitória na competição contra o Botafogo, às 11h no Maracanã. O rival do final de semana vem embalado, após vencer o Atlético-MG em seus domínios por 2 a 1.

Ajude a divulgação rubro-negra de qualidade: Seja apoiador do MRN e participe do nosso grupo de Whatsapp.

Créditos de imagem destacada: Divulgação / Flamengo

Compartilhar: