Compartilhar:

Mauro Beting e ex-jogadores da seleção brasileira acertam com emissora

MRN Informação | Bruno Guedes – Twitter: @eubrguedes

O SBT fechou a sua equipe de narradores para a Libertadores, que será transmitida com exclusividade pela emissora a partir desta quarta-feira, 16. Depois de Téo José, contratado até o ano de 2022, o canal fechou com o narrador Luiz Alano, que teve passagem pela RBS, afiliada da Globo no Rio Grande do Sul, e também trabalha da DAZN. Além deles, os ex-jogadores Ricardo Rocha e Mauro Galvão farão parte do time de comentaristas. Mauro Beting, atualmente do Esporte Interativo, está próximo de ser anunciado de acordo com o portal ‘UOL’.

A emissora do Sílvio Santos definiu o repórter Glauco Pasa para as reportagens, já que fazia parte da equipe esportiva. Ele estará na cobertura de Universidad Católica x Grêmio, que terá narração de Alano. Segundo a imprensa gaúcha, a contratação de Luiz é estratégia para aproximação com o público do sul do Brasil. Os demais integrantes de repórteres e comentaristas serão contratados ao longo da competição pelo diretor de Esportes, Tiago Galassi.

O Flamengo encara o Independiente Del Valle na quinta-feira, às 21h. A emissora ainda não se manifestou sobre possível transmissão. O Facebook transmite normalmente. Os próximos confrontos do Rubro-Negro terão as seguintes transmissões:

Del Valle – Facebook

Barcelona – Fox Sports

Del Valle – SBT

Junior Barranquilla – SBT

Veja a nota da emissora:

A assessoria de comunicação informa que Téo José acaba de assinar com o SBT para ser o narrador oficial da emissora. A Copa Libertadores da América começará a ser exibida em rede nacional pelo canal a partir desta quarta-feira (16), a partir das 21h30, com o jogo ‘Bolívar x Palmeiras’ com Téo José, e os comentaristas Mauro Beting e Ricardo Rocha. Já a partida ‘Universidad Católica x Grêmio’, que vai ao ar no SBT Porto Alegre; Santa Catarina; São Luiz; Ponta Grossa; Foz do Iguaçu no mesmo dia e horário, contará com a narração e comentários de Luiz Alano e Mauro Galvão.

“Voltar para o SBT é como voltar para a minha casa. E voltar para a minha casa em um projeto tão grande, da maior competição de clubes do continente, com uma equipe guerreira, de criatividade, de qualidade e vitoriosa como é o DNA do SBT, para mim é a melhor coisa do mundo. Estou voltando nos melhores braços que poderia ter e agora é trabalhar na ‘TV que tem torcida’ e trazer mais torcida ainda para esta TV”, afirma Téo José.

*Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Divulgação / SBT

Compartilhar: