Compartilhar:

O MRN abre aspas para os jogadores do Flamengo falarem após a vitória contra o Botafogo

Na noite do último sábado (7), o Flamengo goleou o Botafogo por 3 a 0 no Maracanã, e se isolou na liderança de seu grupo na Taça Rio. Os gols foram marcados por Everton Ribeiro, Gabigol e Michael.

LEIA: Conheça Marco Silva, possível substituto de Jesus no Flamengo, caso o português não permaneça

SEJA SÓCIO TORCEDOR

O JOGO

Jorge Jesus mandou a campo a seguinte equipe: Diego Alves; João Lucas (Berrío), Gustavo Henrique, Léo Pereira, Renê; Willian Arão, Diego (Thiago Maia), Everton Ribeiro; Michael, Bruno Henrique (Vitinho) e Gabigol.

O primeiro tempo foi mais equilibrado. Com muita imposição física, o alvinegro chegou a assustar o Flamengo com uma bola na trave e um gol irregular, que foi anulado pelo VAR, do atacante Pedro Raul. Os primeiros 45 minutos foram encerrados com o 0 a 0 no placar.

Mas na etapa complementar, o Flamengo atropelou. Everton Ribeiro abriu o placar de primeira, após rebote de Gatito. Em uma jogada pelo lado esquerdo, Gabigol recebeu de Renê, finalizou e a bola desviou em um zagueiro do Botafogo antes de entrar. Após um pênalti sofrido por Everton Ribeiro, o camisa 9 teve a chance de fazer o terceiro, porém a cobrança foi no travessão. No rebote, Diego marcou, mas o árbitro deu invasão de área e pediu para que Gabriel cobrasse novamente. Em nova batida, a bola também foi no travessão, mas desta vez sem rebote. Mas, ainda deu tempo para Michael ampliar, 3 a 0.

ENTREVISTAS NA ZONA MISTA

Gabigol sobre os pênaltis perdidos:

“Já tinha tentado dar a cavada algumas vezes e na base sempre fiz. Tento tirar a mínima chance do goleiro pegar. Geralmente nos meus pênaltis, os goleiros não saem na foto e hoje foi igual, só que a bola não entrou”.

Arão comentou sobre o largo placar:

“Apesar de ganharmos por 3 a 0, fazemos com que os jogos se tornem fáceis, com nossa qualidade, estratégia e objetivo que traçamos para o jogo. Temos que desfrutar deste momento e seguir evoluindo”.

Diego enalteceu a vitória no clássico:

“Somos a equipe a ser batida, e isso dificulta um pouco nosso trabalho, mas temos correspondido de uma forma espetacular. Merecem sim ser enaltecidas nossas vitórias e placares”.

Everton Ribeiro destacou a qualidade do time titular e reserva do Flamengo:

“O mister costuma treinar as duas equipes da mesma maneira, para todos saberem os conceitos que ele quer. Então quem entra, já sabe o que tem que fazer. Isso ajuda a todos nós”.

Jorge Jesus comentou as vitórias nos clássicos:

“Os derbys, aqui no Rio, estamos vencendo. Nesse momento estamos sendo melhores mas a qualquer momento também podemos perder um clássico de nosso rivais. Acho que esse ano todos eles estão mais fortes que o ano passado e nós também”.

Crédito de imagem destacada: Reprodução/Flamengo

Sobre mim:

Twitter: @Yago_Martins23 | 22 anos, passagens por Rádio RPC, jornal Ilha Notícias e TV Ilha Carioca.

Compartilhar: