Compartilhar:

Seja por lesões, fraturas ou por questões contratuais, vários atletas do Coritiba estão praticamente fora do jogo contra o Flamengo

MRN Informação| Adriano Skrzypa – Twitter: @FlamengoNumeros e @FlaFeminino

Neste sábado, o Coritiba recebe o Flamengo no estádio Couto Pereira. O duelo, que iniciará às 19h30, é válido pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro 2020. As duas equipes vêm de derrotas na competição: enquanto o rubro-negro foi derrotado pelos Atléticos (Mineiro e Goianiense), o alviverde perdeu para Internacional e Bahia, ambos pelo placar mínimo.

Sem vencer há quatro jogos (dois pelo Brasileiro e dois pelo Campeonato Paranaense), o Coritiba terá um time de desfalques para o duelo contra o Flamengo. Seja por lesões, fraturas ou por questões contratuais. Vale lembrar que o clube paranaense não informa nenhum prazo sobre eventuais retornos.

Desfalques do Coritiba para o jogo contra o Flamengo

São eles: o goleiro Alex Muralha (questões contratuais), o lateral-direito Patrick Vieira (desgaste muscular), os zagueiros Rhodolfo (poupado nos dois últimos jogos, ainda há chances de que entre em campo) e Nathan Ribeiro (transição – fraturou o tornozelo esquerdo), os meio-campistas Matheus Sales (transição – desconforto muscular), Rafinha (fratura no tornozelo esquerdo), Giovanni (transição – rompeu o tendão direito), Giovanni Augusto (transição – lesão muscular), Thiago Lopes (trauma no pé) e Gabriel (desconforto muscular), além dos atacantes Wanderley e Neilton (abaixo fisicamente, mas também tem chance de ser relacionado).

Quatro deles já vestiram o Manto Sagrado. Três eram titulares na equipe comandada pelo técnico Eduardo Barroca: Alex Muralha, Rhodolfo e Gabriel. O último era Wanderley, que vinha sendo relacionado para o banco de reservas.

Com informações de Monique Silva/Globo Esporte. Créditos imagem destacada: site oficial do Coritiba

Gostou desse conteúdo? Nós acreditamos ser possível criar conteúdo de qualidade sobre o Flamengo. Se você também acredita, clique aqui e torne-se apoiador do MRN.

Compartilhar: