Compartilhar:

A passagem para a próxima fase veio junto com a vitória, por 2 a 1, sobre o Nova Iguaçu, conquistada nesta sexta-feira (05)

Da Redação

A equipe sub-16 do Flamengo se garantiu matematicamente na semifinal do Torneio Guilherme Embry, o Campeonato Estadual da categoria. A vaga veio junto com a vitória, por 2 a 1 (Will e Quintino), conquistada na manhã desta sexta-feira (05) em cima do Nova Iguaçu. Com o triunfo, o Mais Querido assumiu a segunda posição do turno, somando 22 pontos ganhos.

A vitória contra um adversário direto foi fundamental para o Rubro-negro, que ultrapassou o próprio Carrossel da Baixada na tabela de classificação. Agora, o campeonato para por um mês para as férias escolares, e os Garotos do Ninho voltam a campo apenas no dia 3 de agosto, quando enfrentam o líder Fluminense, em Xerém.

O jogo

O Flamengo chegou com perigo pela primeira vez aos nove minutos, em boa finalização rasteira de João Pedro. A bola saiu à esquerda da baliza do goleiro Kayky. Aos 16 minutos, após grande triangulação ofensiva envolvendo Jean Sales, Will e João Pedro, o goleiro fez grande defesa. No rebote, Jean Sales foi derrubado dentro da área. Will cobrou o pênalti com perfeição, e abriu o marcador para os Garotos do Ninho. O jogo era equilibrado, e o Nova Iguaçu empatou aos 34 minutos, em chute forte de Luiz. 

Aos 39 minutos, o Mais Querido teve grande oportunidade para voltar à frente do placar, quando João Pedro deu lindo passe para Pedro Henrique. Ele foi travado pela marcação, mas Richard pegou a sobra e bateu cruzado. A bola tirou tinta da trave. Foi o último lance de perigo antes do intervalo.

O Rubro-Negro voltou para a segunda etapa com duas alterações: Werton no lugar de Will, e Quintino na vaga de Pedro Henrique. E partiu para o ataque em busca da importante vitória. Logo no primeiro minuto, João Pedro cobrou escanteio e a bola atravessou toda a linha do gol e encontrou Leonardo na ponta direita. O lateral cruzou, Kaiky raspou de cabeça e a zaga salvou em cima da linha. A pressão continuou e, no lance seguinte, Quintinho recebeu dentro da área e tocou para o fundo das redes, em seu primeiro toque na bola na partida. 

O Nova Iguaçu assustou e quase chegou ao empate aos oito minutos, em cabeçada perigosa de Matheus Trigo. Aos 14, Allan recebeu livre dentro da área, mas o arqueiro rubro-negro Igor Jectan fechou o ângulo e fez grande defesa, mantendo a vantagem dos Garotos do Ninho no placar. Aos 30, novamente Igor Jectan apareceu. Após cruzamento rasteiro na área, Allan bateu cruzado e o paredão rubro-negro fez um verdadeiro milagre, evitando o gol da equipe da Baixada Fluminense e garantindo três pontos importantíssimos para o Flamengo dentro da competição.

Flamengo: Igor Jectan, Leonardo (Nicollas), Kayque, Kaiky, Richard; Arthur Lessa, Pedro Henrique (Quintino), Daniel Campos; Will (Werton), João Pedro e Jean Sales (Pablo Ruan). Treinador: Ramon Lima. 

Crédito da imagem destacada: Bernardo Gleizer/Nova Iguaçu FC

O MRN depende do apoio de leitores como você para continuar fazendo uma cobertura criativa, propositiva e ética do Clube de Regatas do Flamengo. ➡ Junte-se a nós

Compartilhar: