Compartilhar:

O técnico Tite convocou três jogadores do Flamengo para as duas primeiras partidas das Eliminatórias, contra Bolívia, no Recife, e Peru, em Lima: os atacantes Gabigol e Bruno Henrique, que ele já havia convocado no ano passado, e o meia Everton Ribeiro, que nunca havia sido chamados pelo treinador.

— Uma readaptação, uma retomada, uma equipe se ajustar e potencializar, é o caso do Everton. O Everton retorna porque tem no processo criativo dele uma grande marca que ele tem já há bastante tempo — disse Tite, do seu jeito peculiar, ao tentar explicar a convocação do meia.

Everton, que completa 31 anos em abril, já tinha sido convocado por Dunga para jogos em 2014 e 2015, inclusive a Copa América, onde ficou marcado por perder um pênalti na disputa contra o Paraguai, nas quartas-de-final, que eliminou a seleção brasileira.

Tite também respondeu sobre a possibilidade de usar Bruno Henrique e Gabigol juntos, já que em outras ocasiões ele os havia convocado de maneira separada.

— Antecipar escalação é uma situação bastante difícil. Mas tenho acompanhado por vezes eles jogando de forma centralizada, por vezes o Bruno fazendo um retorno pelo lado, havendo uma movimentação dos dois meio-campistas armadores pro lado, pros dois atacantes da frente. São dois jogadores que atacam espaço, profundidade, são agressivos. E todas essas possibilidades que tu vislumbrar passam na cabeça do técnico — afirmou.

Bruno Henrique atualmente se recupera da lesão sofrida contra o Independiente del Valle na final da Recopa Sul-Americana, mas a CBF consultou o Flamengo sobre a situação física do jogador e também do zagueiro Rodrigo Caio, que acabou não sendo convocado.

Com a convocação, o Flamengo deve ficar sem todo seu quarteto ofensivo titular para a partida contra o Boavista, pela última rodada da Taça Rio, já que Arrascaeta está entre os pré-convocados da seleção uruguaia para a mesma data. O jogo contra o Bangu, que aconteceria no dia da apresentação dos jogadores à seleção (segunda, 23 de março), foi antecipado para o dia anterior, e Jorge Jesus terá os jogadores à disposição normalmente. Neste momento, os desfalques não causam maior preocupação, mas a afirmação de Tite de que convocará sempre a força máxima nas partidas da Eliminatórias gera preocupação para as próximas datas, que ocorrem em meio à disputa do Campeonato Brasileiro.

Apenas quatro outros jogadores do futebol brasileiro foram convocados por Tite: os goleiros Weverton (Palmeiras) e Ivan (Ponte Preta), o lateral-direito Daniel Alves (São Paulo) e o atacante Everton Cebolinha (Grêmio).

O Flamengo foi o clube com mais convocados juntamente com o PSG. Do clube francês, Tite chamou os zagueiros Thiago Silva e Marquinhos e o atacante Neymar.

Questionado se convocaria mais jogadores do Flamengo se pudesse, Tite desconversou na resposta.

(Crédito da imagem principal: Rafael Ribeiro/CBF/Divulgação/2015)

Compartilhar: