Venda de Garotos do Ninho ao Grupo City rende valores milionários ao Flamengo

Dupla joga no Lommel SK, clube belga que pertence ao Grupo City; valores serão quitados em duas parcelas

O Flamengo confirmou os valores da venda realizada em agosto ao Grupo City, dos atletas Vinicius Souza e Caio Roque. A negociação rendeu 4 milhões de euros aos cofres rubro-negros, a serem pagos em duas parcelas. Os jogadores foram vendidos para jogar no Lommel SK, time da segunda divisão da Bélgica. As informações foram divulgadas no balancete trimestral do clube.

Veja também: ‘Sabia que o trabalho ia ser bem feito’, afirma Rafinha sobre Domènec

A venda do volante Vinicius Souza ficou no valor de 2,5 milhões de euros. A primeira parcela, no valor de 1,7 milhão de euros, a ser paga em outubro deste ano, e a segunda, de 800 mil euros, em julho de 2021.

Já o lateral-esquerdo Caio Roque foi vendido por 1,5 milhão de euros. A primeira parcela, no valor de 1 milhão de euros, a ser paga em outubro deste ano, e a segunda, de 500 mil euros, em setembro de 2021.

caio roque grupo city

O Grupo City administra clubes de futebol de propriedade de uma família real de Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos). As equipes que fazem parte do domínio da holding são o Manchester City, New York City, Melbourne City, Lommel SK, Yokohama F. Marinos, Girona, Montevideo City Torque, Sichuan Jiuniu e Mumbai City.

Ainda de acordo com o balancete, o Flamengo vai arrecadar 800 mil euros do Clube Olympique Lyonnais Sasu, pela venda de Lucas Paquetá, como mecanismo de solidariedade por ter sido o time formador do atleta. O montante será pago em três parcelas de 267 mil euros: a primeira em 21 de novembro de 2020, a segunda em 31 de outubro de 2021 e a terceira em 31 de outubro de 2022.

*Créditos da imagem destacada no post: Lommel SK / lommelsk.be

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Notícias do Flamengo

Blogs