Compartilhar:

O vice-presidente de Embaixadas e Consulados do Flamengo, Mauricio Gomes de Mattos, testou positivo para coronavírus em um hospital de Brasília, cidade onde participou ontem de um jantar com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. Ele aguarda o resultado da contraprova para saber se realmente contraiu a doença. A informação foi publicada pelo portal Metrópoles e confirmada pelo Extra.

Segundo o jornalista Diogo Dantas, além de Mattos, outros quatro vice-presidentes do Flamengo participaram do jantar com Maia, assim como os campeões mundiais Adílio e Nunes.

Na semana passada, Mattos esteve em Madri com o presidente Rodolfo Landim e o vice-presidente de Comunicação e Marketing Gustavo de Oliveira. A Espanha registrou um grande salto de casos na última semana, com quase 3 mil infectados e 87 mortes até este momento.

No último fim de semana, Mattos participou de um evento para inauguração do busto de Andrade, com a presença de vários campeões mundiais de 1981, inclusive Zico.

O protocolo de contenção do coronavírus recomenda que pessoas que tiveram contato com alguém infectado sejam monitoradas para saber se contraíram a doença. Ou seja, várias pessoas dentro do Flamengo podem ter que se submeter a testes para saber se contraíram o coronavírus.

Não há notícias de que Mattos tenha tido contato recente com o elenco profissional de futebol,

Compartilhar: