Compartilhar:

Flamengo irá renegociar pagamento com Athletico Paranaense, antigo clube do defensor

A Adidas, patrocinadora de material esportivo do Flamengo, vive um momento complicado por conta da pandemia do novo cornavírus. A fornecedora atrasou o pagamento de R$ 8 milhões ao rubro-negro, previsto para o dia 1 de abril, e fez com que o Mais Querido atrasasse uma das parcelas mensais pela compra de Léo Pereira, vencida no último dia 14 de abril. O valor seria de aproximadamente R$ 3,5 milhões.

“Temos boa situação, mas a crise exige repactuar alguns acordos anteriores”, disse Bruno Spindel, ao site do GloboEsporte. O Athletico entendeu a situação, e já conversa com o Flamengo para renegociar a forma de pagamento.

Adidas

A patrocinadora paga cerca de R$ 17.725.750,00 anuais ao Flamengo, com a primeira parcela de R$ 8.862.875 em abril e a segunda em outubro. Com ajuda do governo alemão, a Adidas receberá um empréstimo de 3 bilhões de euros, cerca de R$ 17 bilhões de reais na cotação atual. O montante veio do banco de desenvolvimento estatal alemão (KfW) e de um consórcio formado por UniCredit, Bank of America, Citibank, Deutsche Bank, HSBC, MizuhoBank e Standard Chartered Bank.

Sobre mim:

Twitter: @Yago_Martins23 | 22 anos, passagens por Rádio RPC, jornal Ilha Notícias e TV Ilha Carioca.

Compartilhar: