31.6 C
Rio de Janeiro
terça-feira, janeiro 26, 2021

Imprensa argentina destaca ‘noite heróica’ e falhas do Flamengo: ‘Libertadores é generosa com os corajosos’

Bruno Guedes
Jornalista e Historiador, é apaixonado por futebol bem jogado. Já atuou na Rádio Roquette Pinto e como colunista no Goal.com.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Imprensa argentina afirma que a Academia vinha de uma crise profunda, porém lutou até o fim

MRN Informação | Bruno Guedes – Twitter: @eubrguedes

O sempre irreverente Diário Olé, da Argentina, desta vez exaltou a noite heróica do Racing no Maracanã, nesta terça-feira, 1ª. Destacando a imensidão do estádio lendário, a imprensa argentina lembrou que La Academia lutou até o fim para se classificar na Libertadores. Entretanto, destacando os muitos erros do Flamengo, não se furtou de alfinetar o Rubro-Negro: “a crise sem fim do campeão da América”.

O jornalista Pablo Ramon lembrou do tamanho do Maracanã, o que chamou de “imponente, quase opressor, com ou sem torcida”. Foi a primeira vez do tradicionalíssimo time de Avellaneda no Maior do Mundo. E logo de cara eliminando o atual campeão da Libertadores.

Entretanto, tudo isso foi colocado para exaltar a noite do Racing: “Mais uma vez o Racing se fortaleceu nos momentos difíceis, soube se entregar e nunca desistiu. A Libertadores às vezes é generosa com os corajosos, e a Academia foi mais uma vez aquele time inabalável”, escreveu o argentino.

MAIS NOTÍCIAS

Jorge Jesus detona FIFA em lista de melhores técnicos e revela para quem torcerá

Pablo Marí revela história após gol do Flamengo na final da Libertadores

Eliminado, Rogério Ceni defende jogadores e explica os próximos passos do Flamengo

Lembrando que a estratégia do técnico Sebastián Beccacece não teve o efeito esperado no primeiro tempo, o Olé destacou a pressão sem a bola que o Flamengo exercia nos argentinos. Comentando as dificuldades do Racing, o jornal afirmou que só após a expulsão e mudanças do time brasileiro que houve evolução. E falou em “a crise sem fim do campeão da América” por não achar a vitória.

Afirmando que o Flamengo perdeu muitos gols e acabou se desgastando fisicamente, a publicação citou as chances desperdiçadas pelo Vitinho: “Um herói muito antes dos pênaltis foi Gabriel Arias. O goleiro da Academia parou Vitinho cara a cara (após péssima saída de Soto) e outro chute do atacante que desviou para o lado e saiu. A cabeçada na pequena área de Bruno Henrique, outro remate do Vitinho que errou o gol…”, descreveu Pablo.

Ao final, o jornal afirma que a vitória foi épica. Esperando por Inter ou Boca Jrs., o Diário Olé lembrou ainda que o Racing vive uma crise após a saída do ex-diretor Diego Milito.

Gostou desse conteúdo? Nós acreditamos ser possível falar sobre o Flamengo com qualidade. Seja nosso apoiador!

Notícias do Flamengo

- Advertisement -

Blogs