27.5 C
Rio de Janeiro
terça-feira, novembro 24, 2020

Retrospecto: Flamengo tem 100% de aproveitamento contra o Junior Barranquilla

Flamengo e Junior Barranquilla se enfrentaram apenas cinco vezes na história, com cinco vitórias rubro-negras

MRN Informação | Thiago Porto – Twitter: @ThiagoPortin

O Flamengo se prepara para enfrentar o Junior Barranquilla, pela 6ª rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América e, se depender do retrospecto, a equipe comandada por Domènec Torrent não tem muitos motivos para se preocupar. O Rubro-Negro enfrentou o time colombiano em cinco ocasiões e saiu vitorioso em todas elas. Relembre como foram os jogos:

Libertadores 1984:

O primeiro confronto entre Flamengo e Junior aconteceu na Libertadores de 1984, quando os dois times estavam no mesmo grupo, ao lado de Santos e América de Cali. A partida aconteceu no Estádio Romélio Martínez, em Barranquilla e o Flamengo venceu por 2 a 1, com gols de Edmar e Tita. A escalação rubro-negra nessa partida foi: Fillol; Adalberto, Figueiredo, Mozer, Júnior; Andrade, Bigu, Adílio (Lúcio); Tita, Edmar e Lico (João Paulo). Técnico: Cláudio Garcia.

O jogo de volta, no Maracanã, teve show de Edmar. O camisa 9 rubro-negro fez os três gols na vitória por 3 a 1 e ajudou o Flamengo a conseguir a classificação para a fase seguinte da competição continental. O time foi a campo com a seguinte formação: Fillol (Hugo); Leandro, Figueiredo, Mozer, Júnior; Bigu, Élder, Adílio; Lúcio (João Paulo), Edmar e Lico. Técnico: Cláudio Garcia.

Semifinais da Copa Sul-Americana 2017:

Em 2017, o Flamengo encarou um Junior Barranquilla que estava em boa fase, considerado uma das equipes sensação da competição. Na primeira partida, no Maracanã, os colombianos saíram na frente com gol de Téo Gutiérrez, mas o Flamengo foi valente e conseguiu a virada com gols de Juan e Felipe Vizeu, que selou o resultado com um verdadeiro golaço. A escalação do Flamengo nesse jogo foi: Diego Alves (Alex Muralha); Pará, Réver, Juan, Trauco; Cuéllar, Willian Arão, Diego, Mancuello (Vinícius Júnior), Éverton Ribeiro (Lucas Paquetá) e Felipe Vizeu. Técnico: Reinaldo Rueda.

A virada no Maracanã não deixou o Flamengo tranquilo. Afinal, bastava uma derrota por 1 a 0 em Barranquilla para o time de Reinaldo Rueda ser eliminado da competição. A maior preocupação estava em baixo das traves. O titular Diego Alves sofreu uma lesão no jogo de ida e Alex Muralha vivia um momento péssimo. Com isso, o técnico colombiano apostou em César, que estava há quase dois anos sem disputar uma partida oficial. E deu certo. O goleiro criado na base rubro-negra pegou um pênalti e o Flamengo venceu por 2 a 0, com dois gols do iluminado Felipe Vizeu. Era o retorno do Rubro-Negro a uma final continental desde 2001. Estiveram em campo: César; Pará, Rhodolfo, Juan, Trauco; Cuéllar, Willian Arão, Diego, Éverton Ribeiro (Márcio Araújo), Lucas Paquetá (Rodinei) e Felipe Vizeu (Mancuello). Técnico: Reinaldo Rueda.

Estreia na Libertadores 2020

Na primeira partida da Libertadores 2020, o atual campeão Flamengo, mesmo sem o Rei da América Bruno Henrique, estreou com autoridade fora de casa, no estádio Metropolitano de Barranquilla e derrotou o Junior por 2 a 1, com dois gols de Éverton Ribeiro. O time comandado por Jorge Jesus teve a seguinte formação: Diego Alves; João Lucas, Gustavo Henrique, Léo Pereira, Filipe Luís; Thiago Maia, Gerson, Éverton Ribeiro, Arrascaeta (Michael), Vitinho (Pedro) e Gabigol. Técnico: Jorge Jesus.

*Créditos da imagem destacada no post e nas redes sociais: Divulgação/Flamengo

Gostou desse conteúdo? Nós acreditamos ser possível falar sobre o Flamengo com qualidade. Seja nosso apoiador!

Leia também

Notícias do Flamengo

Torcedores do Botafogo caem em pegadinha de flamenguistas antes de jogo contra o Fortaleza

O que os botafoguenses não contavam é que tudo não passava de uma pegadinha de torcedores do Mengão

Gabigol com a camisa do Boca gera discussão acalorada em programa argentino; assista

Gabigol posou para tirar foto com a camisa do Boca nas dependências do clube. Todos os detalhes você encontra no site do Mundo Rubro Negro

Veja as escalações que Ceni pode utilizar para Racing x Flamengo

Ceni terá os retornos de Filipe Luís e Gabigol para escalar a equipe que enfrentará o Racing nesta quarta, às 21h30. Detalhes no MRN

Willian Arão revela treinos de Rogério Ceni e mudança em relação a Domènec

Willian Arão projetou jogo difícil contra o Racing, mas revelou que o Flamengo não pretende mudar o estilo e vai jogar de forma ofensiva

Cano dá dicas ao Racing e exalta Flamengo: ”Jogam em outro nível”

Em entrevista ao Diario Olé, atacante do Vasco elogiou o Flamengo. Todos os outros detalhes na matéria do site Mundo Rubro Negro

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Blogs

23 de Novembro de 2019. Lima. Peru. Um ano da Glória Eterna

O Flamengo é o que não se explica. Há um ano, a América voltava a ser pintada de vermelho e preto, em um roteiro digno de cinema

Voamos todos na parábola de Diego

Sempre temi o destino de ser um morto soprado de inveja nas bancadas da eternidade, ressentido por um auge tardio do Flamengo

23 de Novembro ficou marcado na história rubro-negra

Nem a vitória parcial do River tirou a certeza de que aquele dia seria abençoado, afinal foi no mesmo dia 23 de novembro

O Flamengo existe porque a vida não basta

Cada um viu um filme diferente. De alguma forma, porém, todos aqueles filmes eram o mesmo. O mosaico do que é ser Flamengo

Quatro marcados, cinco perdidos: o “Pênalti para o Flamengo!” assusta em 2020

Vitinho perde o 5º pênalti do Flamengo em 2020; na temporada, o aproveitamento do clube carioca em cobranças de pênalti é inferior a 50%